Cadastre-se
Cadastre-se e receba dicas, descontos, notícias e informações sobre o mundo da educação!

Descubra como é o curso de design de jogos

Uma das carreiras que mais atraem jovens em todo o mundo, sem dúvida, é a de design de jogos. Isso porque é a oportunidade de se trabalhar com aquilo que muita gente gosta: o universo dos videogames. Mas, afinal, como é curso de design de jogos?

Quem pensa que jogos eletrônicos são apenas uma brincadeira, está enganado. Em síntese, a indústria de games atingiu sua maior arrecadação na história em 2018, com mais de US$ 134 bilhões ao redor do mundo.

O número é 17% maior do que no ano anterior e já faz frente com a indústria cinematográfica. Por isso, ser designer de jogos é uma profissão muito promissora. O primeiro passo, nesse caso, é ingressar em um curso de designer de games.

O designer de jogos eletrônicos é uma profissão que existe desde o tempo do velho e bom Atari. No entanto, somente há pouco tempo as universidades passaram a oferecer a capacitação específica na área. Certamente por perceberem que há demanda por esse tipo de curso.

Bolsa de Estudos
👉 A 1ª mensalidade da sua graduação a partir de R$ 59? Só a Anhanguera para oferecer um Vale Educação com esse desconto.

Por outro lado, também pelos jovens acreditarem que é possível viver financeiramente como designer de games. Disso não temos dúvidas. Portanto, se você sempre foi vidrado por games, já pensou até em trabalhar na área, mas nunca conseguiu admitir essa vontade, a hora é agora.

Voltando ao assunto, antes decidir por atuar profissionalmente no mercado de games, é preciso conhecer como é o curso de design de jogos.

Graduação em design de games

Há pouco tempo, a carreira de designer de games exigia um conhecimento mais técnico da área. Para isso, eram oferecidos cursos técnicos, de curta duração. E esses cursos ainda têm espaço no mercado.

No entanto, agora há graduações de nível superior de até quatro anos na área. Ou seja, você pode sair da faculdade com um diploma de Bacharel em Designer de Games. Se você chegar nesse nível, será conhecido também como desenvolvedor de jogos.

Com todo esse conhecimento, o profissional é responsável por todo o processo de criação de games. Isso quer dizer que participa da elaboração das regras do jogo, da concepção da história, até a parte mais técnica.

A partir daí, é preciso ter o domínio de linguagem de TI. Ou seja, você vai trabalhar com computação gráfica, plataformas de criação de jogos, e precisa dominar boa parte das ferramentas de informática. Como designer, o curso ainda oferece noções de desenho para que seja possível a criação de personagens para os jogos.

Em resumo, veja como é o curso de design de jogos:

  • Computação gráfica
  • Animação 2D e 3D
  • Design de som e de personagens
  • Programação para games
  • Ilustração digital
  • Desenho
  • Narrativa e história para jogos
  • Gestão do mercado de games
  • Empreendedorismo
  • Marketing de games

Plataforma multimídia

O tempo em que jogos de videogames eram jogados apenas em consoles ligados a televisões já passou. Agora, as pessoas passam horas nos seus games ligadas a celulares, tablets, ou qualquer outro tipo de tela ligada à internet.
Ou seja, um designer de games vai trabalhar com a responsividade do jogo a cada dispositivo. É preciso adaptar os jogos às condições de jogabilidade das pessoas, o que incluiu uma tela pequena de celular, sem nenhum botão físico ou controle.
Mesmo com essas limitações, o designer de jogos conseguirá produzir um game daqueles viciante!

Pós-graduação também é opção

A área de design de games já conta com pós-graduação. A vantagem dos cursos de pós é que duram a metade do tempo da graduação. Além disso, podem ser feitos por graduados em áreas variadas da TI, como Sistemas da Computação, Engenharia de Software, entre outras.
Ou seja, se você já é graduado em TI e sempre sonhou em desenvolver games, uma pós específica nessa área pode ser opção.
A pós-graduação em design de games também dará um conhecimento mais avançado ao estudante para atuar no mercado como empreendedor. Em outras palavras, propor modelos de negócio com base em games. Além disso, inserir os games como ferramenta de melhoria de qualquer negócio.

Preço dos cursos e remuneração

Para você investir em um curso de longa duração (graduação) em Design de Games, deve desembolsar em torno de R$ 1.500 a R$ 2.000 de mensalidade.
Nessa área, a predominância é por universidades particulares. Ou seja, é mais difícil encontrar uma universidade pública que ofereça cursos gratuitos no segmento de games.
Já os cursos técnicos, de curta duração, também em organizações particulares, costumam ser mais em conta. Mas, nesse caso, a capacitação é mais específica, como já falamos no post.
E quanto pode ganhar um profissional de Design de Jogos? No site de empregos Catho, a média salarial para profissionais da área no Brasil é de quase R$ 2.800.
No entanto, para quem já está mais avançado na carreira, como gerente ou diretor de marketing na área de games, o salário pode passar de R$ 12.000. É uma boa quantia para quem vai trabalhar com o que gosta, não?
É um salário equiparável a altos cargos na área de TI, uma das que mais remunera no mercado atualmente.

Mercado em franca expansão

Em resumo, o mercado para o designer de games está muito atrativo. No Brasil, ainda predominam as pequenas e médias empresas na área, principalmente, em cidades polo de tecnologia, como Florianópolis e São Paulo.
Apesar da oferta de vagas, o que podemos ver são queixas sobre a falta de capacitação dos profissionais. Ou seja, sobram vagas, mas são postos de trabalho que exigem conhecimentos específicos em design de jogos, difíceis de encontrar.
Portanto, enxergamos aí uma oportunidade de ouro para quem deseja fazer carreira na área.
Com o avanço tecnológico e das linguagens de programação, está mais acessível criar um game. O que aumenta, da mesma forma, a concorrência entre as empresas da área.
A boa notícia é que os games não são consumidos apenas por jovens do sexo masculino. Pelo contrário, os jogos são sensação hoje entre mulheres, crianças e idosos. Principalmente, os jogos pelo celular. Você já imaginou o quanto deve faturar a empresa desenvolvedora do famoso Candy Crush?
Além disso, outra vantagem do designer de jogos é a possibilidade de trabalhar a qualquer hora e local em um projeto. Como assim? Não há necessidade de estar presente fisicamente nas empresas, todos os dias, já que boa parte do trabalho pode ser feita remotamente, até da sua casa. Afinal, essa é uma realidade que condiz com os tipos de games atuais, onde múltiplos jogadores disputam partidas online.

Games não são apenas diversão

O mercado para o designer de jogos está em franca expansão e não se resume apenas à indústria do entretenimento. Atualmente, os games são utilizados como suporte a atividades educacionais e até de saúde. Várias autoescolas, por exemplo, já utilizam simuladores de games para ajudar na instrução de jovens à dirigir. Por outro lado, games podem ser utilizados para reabilitação pós-cirúrgica de pessoas. Só pensar nas possibilidades de um game a exemplo do Nintendo Wii, que precisa do movimento do corpo humano para acionar os comandos.
Na área da educação, os games são utilizados para permitir melhor acessibilidade ao conteúdo a quem tem dificuldade de aprendizagem. Ou ainda para estimular a comunicação em crianças com autismo. Olha que legal essa iniciativa desenvolvida por alunos da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc). Em Santa Catarina, também temos o Game Tetragon, totalmente nacional, Vale a pena conferir.

Quem duvida que games viraram coisa séria?

Hoje, jogar videogame ultrapassou o campo do entretenimento e está entrando também no campo do esporte. Por exemplo, os campeonatos de League of Legendas (LOL), que reúnem multidões em arenas pelo mundo afora. Ou até mesmo jogos eletrônicos de futebol, como o Fifa 2020, um dos mais populares.

Quem duvida que os jogos eletrônicos, no futuro, também não virem modalidade Olímpica? Portanto, se você ainda tem dúvidas em apostar em um curso de designer de games, agora já tem mais embasamento para tomar sua decisão. Game over 🙂

Tags:
  • Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *