Cadastre-se
Cadastre-se e receba dicas, descontos, notícias e informações sobre o mundo da educação!
como é o curso de gestão empresarial

Curso de Gestão Empresarial: como é e a diferença para Administração

Você gosta do universo dos negócios e se imagina profissionalmente atuando no meio empresarial? Ou ainda como gestor de áreas ligadas a empresas? Se a resposta é sim, um dos primeiros caminhos a seguir é conhecer o curso de gestão empresarial. Neste post, vamos abordar em detalhes esse curso, as áreas de atuação e como está o mercado de trabalho.

Podemos garantir que entre os cursos na área de gestão, o de gestão empresarial é um dos mais promissores para sua carreira. Primeiramente, saiba que o curso de gestão empresarial é da modalidade tecnólogo, de nível superior, com duração de dois anos. Ou seja, é muito mais rápido para ser concluído do que uma graduação convencional, que pode durar em média quatro anos. Tem também semelhanças e diferenças com o curso de Administração.

O curso de gestão empresarial possibilita ao aluno uma visão geral dos processos de gestão, rotinas administrativas e planos estratégicos. Além disso, forma um profissional que será capaz de cuidar do crescimento sustentável de qualquer empresa. Confira!

Leia também: Como estudar: veja formas eficientes para fazer melhor e mais rápido

Bolsa ENEM
👉 Estão abertas as inscrições para o VESTIBULAR Estácio que está chegando com 70%* de desconto em todo curso.

O que é gestão empresarial?

Antes de detalharmos melhor sobre como é o curso de gestão empresarial, julgamos importante que você saiba o que é gestão empresarial. É legal que se inteire de alguns conceitos. Gestão empresarial contempla ações e estratégias aplicadas em um negócio, com foco em recursos financeiros, estruturais e humanos. Em outras palavras, são atitudes que podem trazer melhores resultados para uma empresa, a partir da organização do que é essencial para seu funcionamento.

A gestão empresarial tem como missão garantir, dentro de uma empresa, estabilidade, crescimento e alcance de resultados. Controlar a eficiência e produtividade de modo a alcançar os objetivos desejados. É a administração do negócio em si. E quem comanda esse negócio é o gestor, e não necessariamente o dono da empresa. Sendo você o gestor da empresa, será sua responsabilidade manter ela funcionando.

O gerenciamento de empresas é considerado a base do sucesso do empreendedor, seja em uma multinacional ou negócio familiar. É fundamental gerir todos os caminhos de uma empresa, conhecer todos os seus setores e processos. Desta forma, torna-se possível antecipar falhas e corrigi-las. Esse acompanhamento evita prejuízos e problemas maiores, garantindo a longevidade do negócio.

O objetivo macro da gestão empresarial é, a partir de boas práticas de gestão, manter o grupo unido rumo ao mesmo objetivo, conforme um planejamento estratégico pré-definido.

O que se estuda no curso de gestão empresarial

Visto os principais conceitos de gestão empresarial, vamos destacar agora como é o curso de gestão empresarial. Conforme falado acima, é uma graduação de nível superior relativamente rápida de fazer, com cerca de dois anos de duração (quatro semestres). Matriculando-se na faculdade de gestão empresarial, você verá conteúdos relacionados à gestão, administração, planejamento estratégico e financeiro, recursos humanos, logística.

No curso de gestão empresarial há um certo equilíbrio nas matérias de exatas e humanas. Isso porque ao ingressar no universo empresarial, o gestor precisa ter tanto habilidades com os números quanto com as pessoas. Saber gerir pessoas também precisa ser uma qualidade do gestor empresarial. Concorda que de nada adianta ser um expert em números e ignorar o bom relacionamento com a sua equipe, né?

Bolsa ENEM

Você sabia que pode conseguir uma bolsa de até 60% no curso todo na Estácio com a sua nota do ENEM dos últimos 5 anos? Confira aqui o valor da sua bolsa e economize na graduação! 🎓

O sucesso de uma empresa depende de várias equações e a liderança é uma delas. Por isso, ao optar por esta graduação você deve estar ciente sobre os conhecimentos que precisará aprimorar para ser um gestor empresarial bem-sucedido.

O que se aprende ao longo do curso

Confira um resumo do que você vai aprender durante o curso de Gestão Empresarial:

  • Liderar processos de mudança nas organizações, de forma planejada;
  • Incentivar a gestão e governança de processos administrativos em busca da melhoria contínua, a partir de sistemas, de conhecimento, entre outras iniciativas;
  • Fazer mais com menos, ou seja, otimizar os recursos da empresa com processos mais produtivos;
  • Estar à frente de questões que envolvem logística, custos e finanças na empresa;
  • Planejar e promover todos os processos gerenciais que envolvem a empresa
  • Por fim, sempre avaliar o ambiente externo e interno da empresa, buscando os melhores caminhos para cada situação.

Leia também: Como responder a pretensão salarial: dicas para se sair bem nas entrevistas

Grade curricular

Há muitas faculdades que oferecem o curso de gestão empresarial no País. Cada instituição tem as suas regras e diretrizes sobre o curso, mas no geral há bastante similaridade entre elas. Listamos abaixo as principais matérias que costumam ser ministradas. Parece bastante conteúdo para dois anos, mas pode acreditar que é possível aprender tudo neste período.

  • Administração de Recursos Humanos; Financeira e Orçamentária
  • Comportamento e Cultura Organizacionais
  • Análise de Investimentos
  • Matemática Financeira
  • Custos e Formação de Preços
  • Planejamento Estratégico e Tributário
  • Fundamentos Contábeis e Financeiros
  • Gestão da Cadeia de Suprimentos; de Processos e Operações; Distribuição Logística; Relações Humanas; Negócios
  • Tecnologias da Informação e da Comunicação
  • Gestão de Marketing
  • Liderança e Gestão de Conflito

Valor da mensalidade do curso

Para você ter uma ideia, na modalidade presencial, um curso tecnológico em gestão empresarial, com duração de dois anos, pode ter mensalidade entre R$ 600 a R$ 1.200. Por outro lado, quando falamos de um curso a distância (EaD), o investimento cai bastante: entre R$ 200 a R$ 700, dependendo da instituição de ensino superior.

O que faz um profissional formado em gestão empresarial

Agora que você conheceu melhor como é o curso de gestão empresarial, sobretudo as disciplinas que deve ter que estudar, vamos falar um pouco sobre a profissão. O que faz um gestor empresarial? Resumidamente, cuida, principalmente, da otimização dos recursos existentes para geração de valor dentro de uma empresa. Gerar valor e otimizar recursos.

É um profissional versátil e valorizado frente a um mercado cada vez mais competitivo, refém de um cenário econômico de altos e baixos. Como gestor empresarial será sua atribuição ajudar o empreendimento a alcançar suas metas e objetivos com a máxima eficiência. Isso sem descuidar da valorização e do reconhecimento do fator humano.

O foco da gestão empresarial é a organização e manutenção de pessoas, processos e recursos. Além disso, um bom gestor empresarial deve se ater ao seguimento da política-administrativas da empresa.

Frente a isso, conforme já destacamos, é preciso ter habilidades para envolver os funcionários de uma empresa com o negócio. Influenciar e motivar positivamente estas pessoas. Profissionais motivados sem dúvida produzem mais e melhor, garantindo os resultados almejados.

Aplicação da gestão empresarial

Um profissional formado em gestão empresarial levará em conta alguns fatores como ferramentas tecnológicas, indicadores de desempenho, um bom planejamento e qualificação profissional. Em resumo, são como se fossem a base para um bom trabalho de gestão empresarial.

  • Planejamento – são as metas da empresa, onde ela quer chegar em curto, médio e longo prazo. É a essência do chamado plano de negócio, um documento com as ideias base de uma empresa. Um bom planejamento é o alicerce para momentos de sucesso e também situações e crise em que a empresa vai passar.
  • Indicadores – o trabalho de um gestor empresarial sempre levará em conta indicadores de desempenho. Isso porque é preciso medir os resultados das ações colocadas em prática para avaliar se deram certo ou não. Caso contrário, ficará difícil de mensurar a qualidade e a eficiência dentro de uma empresa.
  • Ferramentas tecnológicas – os recursos tecnológicos sempre serão aliados de quem pratica a gestão empresarial. Para você ter uma ideia, a automatização de tarefas facilita e muito diversas atividades. Há muitos sistemas de gestão disponíveis no mercado, para todas as áreas.
  • Qualificação profissional – estar à frente de um negócio requer conhecimento e capacitação. Não apenas do gestor, mas de toda a equipe envolvida.

Mercado de trabalho do profissional de gestão empresarial

É fato que as empresas precisam cada vez mais otimizar os custos e melhorar a administração de caixa, agregando valor à marca. Isso porque a concorrência e as oscilações de mercado também estão cada vez maiores. Buscando a excelência e a longevidade do seu negócio é que as empresas têm apostado na contratação de gestores empresariais.

Que empresa não precisa de uma boa administração, seja ela de pequeno ou grande porte? Ter alguém responsável pela gestão dos recursos financeiros e humanos, alcançando o sucesso no mercado e mantendo a empresa lucrativa e produtiva. Esta realidade abre portas para a atuação do gestor empresarial.

Vale a pena fazer o curso de gestão empresarial?

O mercado está aquecido para estes profissionais, que saem da faculdade aptos a aplicarem técnicas de otimização, auxílio e valorização do capital empresarial. Se você está pensando se vale a pena fazer o curso de gestão empresarial, podemos te afirmar que ao estar com o diploma em mãos você terá muitas possibilidades de atuação e crescimento profissional.

As áreas de trabalho são variadas para o gestor empresarial, tanto em instituições públicas quanto privadas. Seguindo carreira na área, você poderá encontrar emprego nos setores da indústria, comércio, serviços. O gestor empresarial pode trabalhar com análises contábeis e financeiras, recrutamento e seleção, com administração de compras e estoques.

Você ainda pode atuar como autônomo, oferecendo consultorias e ministrando palestras e workshops. Ser um freelancer é um bom caminho.

Diferenças do curso de Administração

No decorrer deste post, mostramos como é o curso de gestão empresarial. E uma dúvida muito comum é as pessoas acharem que os cursos de administração e gestão empresarial são a mesma coisa. Mas não são! Apesar de áreas complementares, saiba que há diferenças entre as duas graduações, que vamos te mostrar a seguir.

Então, conforme já vimos, o curso de gestão empresarial é mais focado na otimização de recursos e geração de valor. Já no curso de administração de empresas, o estudante se aprofunda não somente em conhecimentos típicos da área. São conteúdos mais abrangentes que vão além de gestão. A gestão, na verdade, é um dos itens da grade currículos, assim como as disciplinas de Finanças, Recursos Humanos e Contabilidade.

Por outro lado, Administração é considerada a base, por isso exige carga horária (cerca de quatro anos) e conteúdo mais amplos, comparado ao curso de gestão empresarial que tem uma duração menor. O administrador de empresas sai da faculdade capacitado a alcançar os patamares mais altos no mundo corporativo.

O administrador coordena e organiza todos os recursos dentro de uma empresa. Seja o tempo, dinheiro, insumos, tecnologia e as pessoas. Isso tudo, focado em desenvolver a estratégia de negócios dentro de uma empresa ou departamento.

A escolha depende de você!

Em resumo, agora que você já viu todas essas informações bacanas, terá mais condições de decidir sobre o curso de gestão empresarial. Quem sabe não será esta a sua carreira de sucesso?

Confira mais artigos sobre mercado de trabalho e cursos de capacitação no blog Vai de Bolsa.

Tags:
  • Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *