O curso de Sistemas de Informação está ligado à computação. Mais especificamente aos softwares, que basicamente são os programas presentes no computador. Nesse artigo, você vai saber como é o curso de Sistemas de Informação, disciplinas, área de atuação e rotina desse profissional.

O software pode ser definido como o conjunto de instruções que controlam e permitem que programas e sistemas funcionem dentro da máquina. A calculadora e o bloco de notas do seu computador são exemplos bem simples de softwares. Afinal, eles podem ser muito mais complexos a depender da quantidade de informações e funções que eles precisarem.

O bacharel em Sistemas de Informação ou simplesmente (BSI), é responsável pelo armazenamento, manutenção e organização dos dados que trafegam por redes de computadores. Ele também é capaz de desenvolver sites e gerenciar bancos de dados.

Quer um exemplo? Imagine um supermercado que precise controlar o estoque dos produtos, reposição, venda, lançamento de promoções, análise de resultados entre outros aspectos. Há um processo envolvido nessas atividades, que talvez seja até manual. O profissional de Sistemas de Informação vai analisar tudo isso e desenvolver um programa capaz de organizar o fluxo desses dados.

Como é o curso de Sistemas de Informação?

Segundo dados de 2017 do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), há 577 cursos de Sistemas de Informação no país. Assim como outras da área da computação, essa formação dá aos alunos conhecimentos básicos bem parecidos. Dessa forma, a diferença entre Sistemas e Ciência da Computação por exemplo, está no direcionamento do curso.

Por isso, embora ambos lidem com o desenvolvimento de softwares, há menos disciplinas da área de exatas no curso de Sistemas. Isso porque o BSI tem um o foco maior na gestão de projetos, na administração, ou seja, na área de humanas. O que não significa que você não verá matemática nessa graduação. Principalmente porque uma das habilidades do profissional de Sistemas é o raciocínio lógico.

Assim, antes de fazer sua escolha, pesquise e avalie se a grade curricular dos cursos está em acordo com o seu perfil. Confira como é o curso de Sistemas de Informação, de Ciência da Computação e até o de Engenharia da Computação.

Agora, tenha a certeza de que as profissões na área da computação são altamente requisitadas e valorizadas no mercado de trabalho. Para aproveitar isso, é fundamental que você se dedique a sua formação durante e depois do curso superior. A tecnologia está em movimento constante e o profissional dessa área não pode correr o risco de ficar desatualizado.

Grade curricular

Assim como outros na área da computação, o curso de Sistemas de Informação deve seguir as diretrizes curriculares definidas pelo Ministério da Educação.

A duração do curso é de 4 anos. Podendo ser mais longo em algumas instituições de ensino. Nesse período, o aluno terá conteúdos básicos, tecnológicos e específicos. Algumas disciplinas que você pode encontrar são: gerenciamento de dados e informação, gestão de tecnologia da informação, linguagem de programação, modelagem de sistemas, administração e negócios.

Estágio

O estágio não é obrigatório no curso de Sistemas de Informação. A atividade é indicada pelo Ministério da Educação, mas cabe às instituições de educação superior estabelecer se eles serão obrigatórios ou não para finalizar a graduação.

A mesma situação ocorre com os Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC), que são recomendados pelo MEC a estarem na grade de disciplinas, mas que vão depender da decisão da instituição de ensino. Por esse motivo, vale a pena conferir como é o curso de Sistemas de Informação na faculdade ou universidade que você deseja estudar.

Posso fazer curso de Sistemas de Informação a distância?

Sim. Há faculdades que oferecem o curso EaD (a distância). Inclusive, ao procurar por essa formação, você vai encontrar tanto o bacharelado quanto o tecnólogo. O primeiro dura em média 4 anos e o segundo 2 anos.

Antes de fazer sua matrícula, verifique se a instituição de ensino tem o aval do MEC para oferecer a graduação. Faça valer seu investimento.

Mercado de Trabalho

Com os exemplos dados até aqui, já deu para perceber que o profissional de Sistemas de Informação pode atuar em diversos tipos de empresas. Veja algumas abaixo:

  • Instituições financeiras
  • Empresas de análise e desenvolvimento de softwares
  • Hospitais
  • Empresas de gestão de banco de dados
  • Consultoria de Tecnologia da Informação (TI)
  • Companhias de telecomunicações

As empresas que trabalham diretamente com TI são oportunidade certa para esse profissional. Lembrando sempre que a qualificação é essencial.

Outro ponto de atenção são as áreas que estão em evolução no mercado, como o big data e o growth hacking.

Big data é uma área do conhecimento que trata da obtenção e avaliação de um alto volume de informações. Um exemplo de aplicação está na identificação de um perfil de consumidor a partir de dados publicados na internet.

O growh hacking é o objetivo de uma equipe de pessoas que deseja aumentar o engajamento de usuários de um produto, por exemplo. Para conseguir isso, nada mais interessante que usar big data. Logo, podemos deduzir que um profissional de Sistemas de Informação é parte importante dessas tarefas.

Rotina do profissional de Sistemas de Informação

Além da capacidade de projetar, refletir sobre a resolução de problemas e ter raciocínio logico, o profissional de Sistemas de Informação também deve ser criativo em seu dia a dia. Afinal, ele terá que pensar no desenvolvimento e execução de um programa. Além da possível manutenção deste.

Ao mesmo tempo, não pode esquecer que esse programa deve ser útil e facilitar a vida de quem irá utilizá-lo. Pensar no usuário e no contexto do que será criado também faz parte das preocupações desse profissional. Principalmente se o objeto projetado envolver a comunicação de várias pessoas que usarão a ferramenta para consultas frequentes, por exemplo.

Média salarial

A média salaria do profissional de Sistemas de Informação é de R$ 2.600 a R$ 4 mil. Obviamente, esse valor pode variar muito de acordo com o tipo de empresa, área de atuação e cidade.

Vale falar aqui que o profissional de Sistemas também disputa mercado com o engenheiro da computação e o cientista da computação. No entanto, há espaço para todos eles, principalmente em áreas que são polos tecnológicos e onde a demanda por esse tipo de mão de obra qualificada é crescente.

Além disso, o cargo e experiência desse profissional também contam. O que significa que esse teto de R$ 4 mil  pode ser muito maior. Fique atento às oportunidades e aproveite as atividades complementares que podem ser feitas durante a graduação.

Especializações

Aprofundar os estudos em um tema após formado e investir no aprendizado de uma língua estrangeira são atitudes que podem fazer toda a diferença na hora de conseguir uma colocação no mercado de trabalho.

Lembra do exemplo do supermercado no início do texto? Pois o profissional de Sistemas pode focar sua atuação no desenvolvimento de softwares. Saiba mais sobre essa e outras especializações a seguir:

Desenvolvimento de softwares – O nome já diz o que você precisa saber. Aqui você vai se tornar um especialista na criação de programas de computadores e sites.

Cientista de dados (data science) – Lembra do big data? Com essa especialização você vai aprofundar seus conhecimentos nessa área. Aprenderá a tratar e organizar dados com o intuito de gerar informações úteis a um setor determinado.

Desenvolvedor de jogos – Quantos jogos você tem no seu celular? Já pensou em criar um? Sendo um especialista desse ramo você será responsável por todas as etapas da criação de um jogo.

Inteligência Artificial – Nessa área você estuda a tecnologia capaz de similar a inteligência humana. Ela é a grande aposta para profissionais e empresas de diversos setores.

Agora que você já entendeu como é o curso de Sistemas de Informação, compartilhe esse texto com seus amigos. Mostre a eles as possibilidades que essa carreira oferece e não deixe de conferir outros textos aqui do blog Vai de Bolsa. Até a próxima!

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui