como se inscrever no prouni

Como se inscrever no Prouni? Confira 6 passos

O Prouni é uma ótima oportunidade para você conseguir realizar a graduação que sempre sonhou. Saiba o que é, quem pode participar e como se inscrever no Prouni 2021.

O Prouni tem ajudado diversos estudantes a conseguir uma vaga em uma universidade. Ele é voltado para a concessão de bolsas em universidades particulares. Com o Prouni você pode conseguir bolsas de até 100% em uma lista enorme de instituições de ensino.

O programa tem uma importância gigante no acesso ao ensino superior. A média de mensalidade em uma universidade particular fica entre R$400 a R$500 e nem todos têm condições de arcar com esses custos. O Prouni veio para mudar essa realidade.

Continue lendo para saber tudo sobre o programa e saiba 6 passos para conquistar sua vaga já!

Leia também: Prouni: Saiba tudo sobre o programa

O que é o Prouni?

O Prouni (Programa Universidade para Todos) foi criado em 2004 com o objetivo de ampliar o número de brasileiros com acesso ao ensino superior. Desde lá, todos os anos o Governo Federal oferece milhares de bolsas de estudos em universidades particulares em todos os cursos de graduação disponíveis nelas.

O valor da bolsa pode variar de 50% a 100% e depende principalmente do valor da mensalidade do curso em que você irá se inscrever, comparado a sua renda mensal e da sua família. O programa já beneficiou mais de 1,9 milhão de brasileiros. Desses, 70% receberam uma bolsa integral no curso desejado!

O programa também facilita para quem ainda está indeciso, mas deseja muito fazer uma graduação. Na inscrição, você pode escolher até duas opções, definindo a primeira e a segunda prioridade. Isso tudo para que você não perca a chance de ingressar no Ensino Superior.

Famílias que nunca tiveram um único membro com Ensino Superior conseguiram ter pais ou filhos formados. Assim, tendo mais chances de trabalhos em campos com melhores remuneração. Além disso, o programa te dá a oportunidade de seguir a carreira que você sempre sonhou!

Quem pode se inscrever no Prouni?

Para se inscrever você precisa atender alguns critérios, dentre eles:

  • Ter estudado em escola pública ou ter sido bolsista em escola particular;
  • Não ter formação superior;
  • Ter participado da última edição do Enem;
  • Alcançar, pelo menos, 450 pontos nessa prova do Enem;
  • Ter renda familiar mensal de até três salários mínimos.

O percentual de desconto da bolsa varia de acordo com a renda familiar. 

Para bolsas integrais, é preciso que cada pessoa que vive na sua casa ganhe até um salário mínimo e meio.

Assim como para bolsas parciais, em que o valor da renda de cada pessoa que vive na sua casa não deve ultrapassar três salários mínimos.

Além disso, pessoas com deficiência ou professores da rede pública de ensino também podem se inscrever no Prouni e concorrer a bolsas integrais nas universidades particulares.

Leia também: Cursos menos concorridos do Sisu: veja 20 opções mais fáceis de entrar

Quais são as datas em 2021?

A pandemia da Covid-19 afetou algumas coisas no Prouni 2021. Para começar, o Prouni deste ano conta com duas seleções, diferente dos outros anos.

A primeira seleção ocorreu entre os dias 12 e 15 de janeiro. O resultado saiu pouco depois, no dia 19 de janeiro.

Mas se você fez o Enem 2020, ainda tem uma nova chance para se inscrever no Prouni! A segunda seleção ocorre dia 3 de maio.

Em 2020, o Prouni ofereceu mais de 250 mil bolsas parciais e integrais, selecionando os estudantes para as faculdades privadas com as notas do Enem. Esse ano não deve ser diferente. 

Como se inscrever no Prouni?

Para fazer sua inscrição no Prouni 2021, é muito fácil. Confira 8 passos para conquistar a sua vaga já!

Passo 1

Acesse o site oficial do Prouni.

Passo 2

Clique em fazer inscrição, no topo da página.

Passo 3

Na nova janela, você deve informar o número de inscrição do Enem e a senha utilizada para acessar a página do participante. Se você esqueceu a senha, clique em “Esqueci a senha” e siga os passos informados.

Passo 4

Verifique o captcha, clicando em “Não sou um robô”. Depois, clique em “Entrar no Prouni”.

Passo 5

Aqui começa a análise da sua renda familiar. Preencha os dados dos familiares: parentesco, nome completo, CPF, data de nascimento e a renda bruta mensal. 

Se o membro da família não tiver renda mensal, basta selecionar a opção.

A renda familiar corresponde à soma dos rendimentos, dividida pelo número de familiares. Quando todos os dados dos membros forem preenchidos, clique em “Salvar e Prosseguir”.

Passo 6 

Hora de escolher as opções de curso! Você pode selecionar dois cursos, por ordem de prioridade, em uma ou mais instituições de ensino. 

Você pode filtrar as opções pela universidade, pelo curso ou por município.

É necessário preencher o tipo de bolsa pretendida, se por cotas ou ampla concorrência. As cotas do Prouni são voltadas para estudantes com deficiência, negros, pardos ou índios.

Alguns cursos exigem requisitos específicos além da nota do Enem. É importante verificar no momento da inscrição. O requisito é informado no momento da solicitação. O curso de Ciências Aeronáuticas, por exemplo, tem como requisito uma licença de piloto privado e algumas horas de voo.

Até o final das inscrições, você pode alterar as opções a qualquer momento pela página do participante.

Me inscrevi no Prouni e agora?

Agora é só esperar o resultado!

Se você não conseguiu uma bolsa integral, o FIES pode te ajudar a pagar o valor do excedente por meio do financiamento estudantil. As inscrições ainda não tem data definida, mas devem ocorrer no segundo semestre deste ano.

Mas, se você não conseguir a sonhada bolsa no Prouni, não desista! Você pode tentar ano que vem.

Tanto o Enem quanto o Prouni acontecem todos os anos, basta ter persistência e estudar muito.

Quer conhecer mais sobre cursos de graduação, carreiras e estudos, continue acompanhando o blog!

Tags:
  • Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *