Conheça os cursos mais concorridos da Unicamp em 2020

Conheça os cursos mais concorridos da Unicamp em 2020

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) anunciou recentemente a quantidade de inscritos para o vestibular 2020. O número de inscritos diminuiu, porém aumentou a quantidade de egressos de escolas públicas. Confira a concorrência da Unicamp e entenda quais são os cursos mais concorridos.

Concorrência menor que em 2019

Segundo a Unicamp, 72.859 pessoas se candidataram no Vestibular 2019, no total, são mais de 4,7 mil estudantes a menos que no processo seletivo do ano anterior. A Unicamp disponibiliza um total de 2.570 vagas, para 69 cursos de graduação.

Apesar do número de concorrentes ter caído em 4,5%, com relação ao ano anterior, o número de inscritos no vestibular provenientes de ensino de escola pública subiu cerca de 2%, sendo um total de 23.464 estudantes de escolas públicas prestando o vestibular.

Apesar da queda das inscrições, o curso de medicina continua sendo o mais disputado, com cerca de 325,1 candidatos por vaga.

A primeira fase da prova acontecerá no dia 17 de novembro de 2019. Confira abaixo os 15 cursos de graduação mais concorridos da Unicamp em 2020..

  1. Medicina: 325,1 candidatos por vaga;
  2. Arquitetura e Urbanismo: 87 candidatos por vaga;
  3. Ciências Biológicas (integral): 60,2 candidatos por vaga;
  4. Comunicação Social (Midialogia): 48,6 candidatos por vaga;
  5. Ciência da Computação (noturno): 40,5 candidatos por vaga;
  6. Farmácia (integral): 38,5 candidatos por vaga;
  7. Engenharia da Computação (integral): 38 candidatos por vaga;
  8. História: 36,8 candidatos por vaga;
  9. Engenharia Química (integral): 35 candidatos por vaga;
  10. Ciências Econômicas: 33,2 candidatos por vaga;
  11. Enfermagem (integral): 32,6 candidatos por vaga;
  12. Odontologia: 31,3 candidatos por vaga;
  13. Ciências Econômicas (noturno): 31,1 candidatos por vaga;
  14. Engenharia de Produção (integral): 28,7 candidatos por vaga;
  15. Engenharia de Controle de Automação: 24,2 candidatos por vaga.

Confira a quantidade de concorrentes por vaga dos cursos acima, no ano anterior (2019):

  1. Medicina: 330,1 candidatos por vaga;
  2. Arquitetura e Urbanismo: 102,8 candidatos por vaga;
  3. Ciências Biológicas (integral): 42,9 candidatos por vaga;
  4. Comunicação Social (Midialogia): 54,6 candidatos por vaga;
  5. Ciência da Computação (noturno): 39,1 candidatos por vaga;
  6. Farmácia (integral): 38,5 candidatos por vaga;
  7. Engenharia da Computação (integral): 37,5 candidatos por vaga;
  8. História: 33,8 candidatos por vaga;
  9. Engenharia Química (integral): 37,8 candidatos por vaga;
  10. Ciências Econômicas: 30,4 candidatos por vaga;
  11. Enfermagem (integral): 34,9 candidatos por vaga;
  12. Odontologia: 34,6 candidatos por vaga;
  13. Ciências Econômicas (noturno): 28,3 candidatos por vaga;
  14. Engenharia de Produção (integral): 32,4 candidatos por vaga;
  15. Engenharia de Controle de Automação: 23 candidatos por vaga.

Abaixo estão os cursos em que a concorrência por vaga diminui, em comparação de 2020 com 2019:

  1. Medicina;
  2. Arquitetura e Urbanismo;
  3. Comunicação Social (Midialogia);
  4. Engenharia Química (integral);
  5. Enfermagem (integral);
  6. Odontologia;
  7. Engenharia de Produção (integral).

Em seguida você encontra os cursos em que a concorrência aumentou, quando comparado 2020 à 2019:

  1. Ciências Biológicas (integral);
  2. Ciência da Computação (noturno);
  3. Farmácia (integral);
  4. Engenharia da Computação (integral);
  5. História;
  6. Ciências Econômicas;
  7. Ciências Econômicas (noturno);
  8. Engenharia de Controle de Automação.

Provas do Vestibular 2020

A primeira fase do Vestibular 2020 da Unicamp está programada para acontecer no dia 17 de Novembro de 2019. Já a segunda fase está programa para os dias 12 e 13 de janeiro de 2020. Os locais ainda não foram liberados, mas no dia 25 de outubro a lista será disponibilizada.

Todos os candidatos do curso de música deverão realizar as provas de Habilidades Específicas entre setembro e outubro, antes da primeira fase do vestibular. Os candidatos dos cursos de Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais e Dança, que também necessitam do exame de Habilidades Específicas, deverão realizar a prova entre os dias 20 e 24 de janeiro de 2020.

O exame será aplicado em 30 cidades. Confira a listagem abaixo:

  1. Araçatuba;
  2. Bauru;
  3. Botucatu;
  4. Bragança Paulista;
  5. Campinas;
  6. Franca;
  7. Guarulhos;
  8. Indaiatuba;
  9. Jundiaí;
  10. Limeira;
  11. Lorena;
  12. Marília;
  13. Mogi das Cruzes;
  14. Mogi Guaçu;
  15. Osasco;
  16. Piracicaba;
  17. Presidente Prudente;
  18. Ribeirão Preto;
  19. Santa Bárbara D’Oeste;
  20. Santo André;
  21. Santos;
  22. São Bernardo do Campo;
  23. São Carlos;
  24. São João da Boa Vista;
  25. São José do Rio Preto;
  26. São José dos Campos;
  27. São Paulo;
  28. Sorocaba;
  29. Sumaré;
  30. Valinhos.

Confira abaixo o calendário do Vestibular Unicamp 2020

As inscrições para o vestibular ocorreram de 1º de agosto à 9 de setembro de 2019.

A primeira fase das Provas de Habilidade Específicas para o curso de música foram realizadas entre 9 e 16 de setembro. A segunda parte será realizada nos dias 13 e 14 de outubro de 2019.

A primeira chamada, para matrícula não presencial, será divulgada no dia 10 de fevereiro de 2020 e a matrícula não presencial será no dia 11 de fevereiro de 2020.

As inscrições para o vestibular indígena da Unicamp aconteceram entre os dias 2 e 30 de setembro de 2019.

Já as vagas Olímpicas possuem um prazo de inscrição maior, que vai de 21 de novembro de 2019 a 10 de janeiro de 2020.

As inscrições pelo Enem-Unicamp vão de 15 de outubro de 2019 a 14 de novembro de 2019.

Conheça as mudanças no Vestibular Unicamp 2020

A Comissão Permanente para Vestibulares da Universidade Estadual de Campinas (Comvest) aprovou algumas mudanças no vestibular, que serão aplicadas já na próxima edição de 2020. Confira as mudanças abaixo:

  • Dois dias de exame da segunda fase
    • Anteriormente a segunda fase possuía três dias seguidos de provas. Com a mudança, o candidato que foi aprovado na primeira fase, terá apenas dois dias de exame para a segunda fase;
  • Provas de acordo com as disciplinas
    • A partir de agora, o vestibulando será cobrado apenas das matérias relacionadas ao curso escolhido. As matérias Língua Portuguesa, Matemática e questões interdisciplinares são obrigatórias e estarão presentes em todos os testes;
  • Redação única
    • Na edição passada, o Vestibular Unicamp 2019, exigiu que fossem criadas duas redações. A partir do Vestibular 2020, o candidato deverá realizar apenas uma produção textual.

A Unicamp

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) foi fundada em 1962, e é considerada uma das melhores universidades públicas do país e da América Latina. Ao lado da Universidade de São Paulo (USP), Universidade Paulista (Unesp) e da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), é mantida pelo Governo Paulista.

A Unicamp é a universidade brasileira que mais possui estudantes de pós-graduação. Isso porque a universidade possui um foco muito grande em pesquisa, sendo que cerca de 15% da produção cientifica do Brasil se concentra na universidade.

Sua gama de cursos de Pós-Graduação também é bem grande, possui mais de 150 cursos disponíveis. Outro fato interessante, é que a Unicamp é a organização brasileira que mais produz patentes, ficando atrás somente da Petrobrás.

Fique ligado as notícias do vestibular, acessando o Blog Vai de Bolsa. Leia também sobre quais são os cursos menos concorridos no Sisu.