Cadastre-se
Cadastre-se e receba dicas, descontos, notícias e informações sobre o mundo da educação!

Conheça os melhores cursos técnicos para quem quer trabalhar logo

Não é de hoje que os cursos técnicos são procurados por milhares de pessoas que desejam uma formação rápida e com boas oportunidades no mercado de trabalho. E no atual momento econômico, profissionais com curso técnico encontram o cenário perfeito para trabalhar. 

Outra boa notícia é que o salário dos tecnólogos também tem aumentado, concorrendo com os salários de profissionais com formação superior tradicional.

Se você busca por um curso técnico para trabalhar e garantir um bom salário, a hora é agora! Então, continue a leitura deste artigo e conheça os melhores cursos técnicos para quem quer trabalhar e aproveitar este cenário.

Cursos técnicos para quem quer trabalhar

Recentemente, a Consultoria ManpowerGroup realizou uma pesquisa apontando as formações técnicas que as empresas brasileiras têm mais dificuldade de encontrar para preencher seus postos de trabalho.

Bolsa ENEM
👉 Estão abertas as inscrições para o VESTIBULAR Estácio que está chegando com 70%* de desconto em todo curso.

Essa informação é extremamente valiosa para quem quer fazer um curso técnico e trabalhar assim que se formar. Por isso, conheça os cursos técnicos mais promissores para quem quer trabalhar e garanta sua vaga!

1. Desenvolvedor Mobile

Uma das carreiras com melhores perspectivas de crescimento, o Desenvolvedor Mobile atua na área de Tecnologia da Informação.

O tecnólogo é o responsável por planejar, elaborar, testar e implementar softwares desenvolvidos para dispositivos móveis. Empresas de TI e de telecomunicações são as que mais buscam por esse profissional. 

Afinal de contas, esses setores tem recebido altos investimentos com a chegada da Internet 4G e o aumento do poder de compra da população.

Em 2015, o salário de um técnico em Desenvolvimento Mobile chegava a R$ 5mil.

2. Técnico em Geoprocessamento

O técnico em geoprocessamento atua na área de infraestrutura. Cabe a esse profissional supervisionar, coordenar, executar levantamentos e mapear estruturas de áreas urbanas e rurais.

Bolsa ENEM

Você sabia que pode conseguir uma bolsa de até 60% no curso todo na Estácio com a sua nota do ENEM dos últimos 5 anos? Confira aqui o valor da sua bolsa e economize na graduação! 🎓

Esse profissional é procurado principalmente por empresas de Construção Civil, aeroportos e organizações de proteção ambiental. Outro setor que tem bastante interesse por esse profissional é o mercado de petróleo e gás.

Com tantas empresas em busca de um técnico em Geoprocessamento, o salário inicial pode chegar a R$4mil.

3. Técnico em Meio Ambiente 

O técnico em meio ambiente possui uma gama de oportunidades em diversas áreas. Esse profissional é capacitado para atuar nos segmentos de:

  • Gestão ambiental;
  • Controle de poluição;
  • Educação ambiental;
  • Recuperação de zonas degradadas;
  • Pesquisas e análise ambientais, entre outras.

Esse profissional é buscado tanto por empresas públicas como privadas, além de comércio, organizações não governamentais, indústria, cooperativas, entre tantas outras.

Com tantas oportunidades de atuação, o técnico em meio ambiente em início de carreira pode ganhar até R$3,5 mil.

4. Técnico em Comércio Exterior

A globalização do mercado é o grande propulsor das oportunidades de trabalho para quem faz o curso técnico em Comércio Exterior. Esse profissional executa atividades relacionadas a negociação de insumos e ao mercado externo. 

Entre essas atividades de gestão de operações internacionais estão:

  • Transações cambiais;
  • Despachos;
  • Legislação aduaneira;
  • Importação e exportação de produtos e serviços;
  • Contratos;
  • Logística internacional;
  • Prospecção e pesquisa de mercados;
  • Entre outros processos de exportação e importação.

Os profissionais técnicos em Comércio Exterior podem conseguir um salário inicial de até R$3,5 mil.

5. Técnico em Redes de Computadores

O curso técnico em Redes de Computadores capacita o profissional a planejar e acompanhar redes de computadores em funcionamento.

Durante o curso, o aluno aprende a instalar e configurar dispositivos de comunicação digital e softwares de computadores a equipamentos conectados em rede. 

Além do mais, o profissional é habilitado a corrigir falhas, trabalhar com cabeamentos e configurar acessos e recursos de segurança nas redes de computadores.

Entre as melhores oportunidades de emprego, o técnico em Rede de Computadores pode atuar em empresas de planejamento, consultoria e assistência técnica, desenvolvimento de projetos, empresas de tecnologia, entre outros.

O salário médio inicial pode chegar a R$3 mil.

6. Técnico em Construção Civil

Também conhecido como curso técnico em Edificações, este curso capacita profissionais a coordenar ações construtivas junto a engenheiros.

A área que mais busca esse tipo de profissional é a de Construção Civil. Esse setor é carente em técnicos que podem atuar tanto no campo quanto no planejamento da obra.

O curso técnico é indicado também para quem pretende fazer uma graduação posterior em Engenharia Civil, afinal de contas são cursos complementares.

Mas para quem quer fazer o curso técnico para trabalhar assim que se formar, o mercado é promissor e o salário inicial pode chegar a R$2,2 mil.

7. Técnico em Mecânica

O profissional técnico em Mecânica atua com a fabricação, instalação e montagem de máquinas e equipamentos no setor industrial.

Esses profissionais podem atuar das seguintes maneiras:

  • Gestão e controle de manutenção mecânica;
  • Manutenção de máquinas e equipamentos;
  • Análise de equipamentos e desenhos técnicos.
  • Planejamento e controle de manutenção e atividades afins.

O salário inicial de um técnico em Mecânica é de aproximadamente R$2,2 mil, podendo chegar a R$5 mil dependendo da experiência do profissional.

Devido a grande concentração de indústrias, as regiões sul e sudeste oferecem as melhores oportunidades de trabalho para os técnicos em mecânica.

8. Técnico em Logística

Logística está entre os cursos técnicos para quem quer trabalhar logo após se formar. Esta opção é indicada principalmente para quem gosta de matemática

A formação técnica prepara o profissional para cuidar de todas as operações de transporte e distribuição de uma empresa: desde o planejamento, passando pela programação e coordenação.

O profissional de Logística é procurado principalmente por empresas e indústrias de grande porte. Afinal de contas, a distribuição dos produtos precisa ser realizada de forma eficiente, estratégica e segura.

O profissional de Logística é bastante disputado no mercado e a carreira pode se iniciar com um salário médio de R$2,1 mil.

9. Técnico em Segurança do Trabalho

O curso técnico em Segurança do Trabalho costuma figurar entre as formações mais buscadas. E os motivos são bem lógicos!

O profissional de Segurança do Trabalho possui campo de trabalho em empresas dos mais diversos segmentos, tanto públicas como privadas.

O curso capacita os profissionais a fiscalizar, prever e impedir situações de risco no ambiente de trabalho. Além disso, esses profissionais são responsáveis pela elaboração de projetos de prevenção de acidentes.

Um dos setores que mais busca por técnicos em Segurança do Trabalho é a Construção Civil. O técnico em Segurança do Trabalho pode iniciar a carreira com um salário médio de R$1,9 mil.

10. Técnico em Eletrotécnica

O décimo curso técnico para quem quer trabalhar logo que apresentamos é em Eletrotécnica. Esta formação possui amplas oportunidades de trabalho, tanto na área industrial, como no setor de energia.

A formação técnica capacita esses profissionais a avaliar projetos e estruturas de instalações relacionadas a projetos de eletricidade.

Entre as principais funções de um técnico em Eletrotécnica estão:

  • Projetos e instalações de sistemas de acionamento elétrico;
  • Instalação e manutenção de iluminação e sinalização;
  • Atuação em todo processo de transmissão e distribuição de energia;
  • Elaboração e desenvolvimento de projetos de instalação elétrica  e de sistemas de telecomunicações em edificações;
  • Planejamento e execução de instalação e manutenção de equipamentos e sistemas elétricos;
  • Gestão de medidas de uso eficiente de energia elétrica e fontes de energia.

Assim que o profissional conclui a formação técnica em Eletrotécnica, o seu salário pode chegar a R$1,7 mil.

Como encontrar um curso técnico de qualidade

Agora que você já conhece os melhores cursos técnicos para trabalhar assim que se formar, é hora de escolher qual dessas formações seguir.

Para isso, é preciso levar em consideração alguns fatores como:

  • O seu perfil de estudante;
  • Sua afinidade por áreas de exatas, humanas e biológicas;
  • Pesquisar as instituições que oferecem o curso escolhido;
  • Conhecer informações sobre o mercado de trabalho;
  • Pesquisar por bolsas de estudo e outras oportunidades.

Agora está em suas mãos encontrar o curso técnico para trabalhar e trilhar uma carreira de sucesso.

E sempre que quiser saber sobre novidades e dicas de estudo e formação, acesse nosso blog.

Tags:
  • Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *