diferença entre faculdade e universidade

Qual a diferença entre faculdade e universidade? Entenda

Muitas vezes, utilizamos os termos faculdade e universidade como se fosse sinônimos. Entretanto, você sabia que existe diferença entre faculdade e universidade?

Na verdade, o Ministério da Educação (MEC) classifica as instituições de ensino superior em três categorias:

  • Faculdades
  • Centros Universitários
  • Universidades

Embora esses três tipo de instituições tenham, de fato, muitas semelhanças, também existem diferenças importantes. Conhecer essas diferenças pode ajudá-lo a fazer a escolha mais adequada para seus objetivos de estudo.

Na prática, toda instituição de ensino superior é uma faculdade, mas nem toda faculdade é uma universidade. Cada uma tem uma atribuição diferente e cumpre exigências distintas perante o MEC.

Se você pretende seguir carreira acadêmica, pode valer a pena investir em uma universidade, porque essas instituições tradicionalmente têm maior vocação para a pesquisa. Mas se sua intenção for o mercado de trabalho, a classificação da organização não deve ser o fator decisivo.

Mas afinal, qual a diferença entre faculdade e universidade? E centros universitários? Nesse artigo, vamos apresentar a diferença entre faculdade e universidade, além das vantagens e desvantagens de cada um desses tipos de instituição de ensino.

Saiba mais: 6 critérios para escolher uma faculdade com qualidade acadêmica

Diversidade de ensino

Para entender melhor as diferenças, primeiramente vale saber que qualquer instituição de ensino superior é sempre, necessariamente, antes de tudo, uma faculdade. Isso porque as universidades e os centros universitários são complexos formados por faculdades.

As faculdades são instituições de ensino superior públicas ou privadas focadas em determinadas áreas do conhecimento. Podem oferecer ensino de graduação e pós-graduação em nível de especialização, mestrado e doutorado. Uma Faculdade de Ciências Biológicas e da Saúde, por exemplo, oferece cursos e eventos em Biologia, Medicina, Nutrição entre outras vertentes da área.

A maioria das faculdades oferece uma quantidade menor de cursos quando comparadas a universidades e centros universitários. Simplificadamente, podemos dizer que um conjunto de faculdades forma uma universidade, desde que atenda a critérios adicionais de pesquisa e extensão universitária.

Portanto, uma diferença importante entre faculdade e universidade é que a universidade possui maior diversidade de ensino e características interdisciplinares mais acentuadas, pois as faculdades que a compõem interagem com maior facilidade.

As faculdades não são menos relevantes em termos de ensino, mas enfatizam suas atividades em um determinado ramo. Podem, inclusive, oferecer mais opções de cursos de extensão, palestras e eventos dessa área. Além disso, por exigência do MEC, uma faculdade deve ter pelo um terço de seus professores com o título de especialistas (pós-graduação lato sensu). 

Alguns exemplos de faculdades: ITA, FAM, IBTA, Famesp, Campos Salles, Impacta.

Ensino, pesquisa e extensão

A universidade é a melhor escolha para quem quer seguir carreira nas áreas de pesquisa científica e extensão. Além de capacitar para o mercado de trabalho, ela busca preparar os alunos para a vida acadêmica.

Por isso, uma diferença entre faculdade e universidade é que, na universidade, os três pilares do ensino superior são indissociáveis e obrigatórios: conteúdos teóricos (ensino), produção científica (pesquisa) e contato prático e comunitário com a profissão (extensão).

Isso quer dizer que a universidade necessariamente promove atividades de ensino, pesquisa e extensão em diversas áreas do saber. Por isso, esse tipo de instituição costuma ser um centro de pesquisas reconhecido, além de produzir conteúdo cultural e intelectual de relevância.

No mínimo, um terço do corpo docente de uma universidade tem titulação de mestrado ou doutorado. Além disso, um terço do corpo docente deve ter dedicação em tempo integral à instituição.

Algumas faculdades também oferecem atividades de ensino, pesquisa e extensão, mas elas não são obrigatórias. É comum que a produção nesses estabelecimentos seja reduzida, visto que o foco principal é a preparação para o mercado de trabalho.

Saiba mais: Como encontrar as melhores universidades para a sua graduação?

Diferença entre faculdade e universidade em termos de infraestrutura

A universidade normalmente tem um campus maior para abrigar todas as suas diversas faculdades. Além disso, tem bibliotecas, restaurante, diversos laboratórios, alojamento para os estudantes, agências bancárias etc. Uma universidade oferta mais cursos, possui mais alunos e uma administração mais ampla e complexa. Além disso, necessita de estruturas para a realização de pesquisas e eventos.

Muitas universidades funcionam como verdadeiras mini-cidades. Por exigirem mais espaço físico, algumas universidades ficam mais afastadas do centro das cidades. Já as faculdades podem ficar em construções mais compactas e centrais, porém não oferecem tanta estrutura de apoio ao aluno.

Alguns exemplos de universidades: USP, Unesp, Unicamp, Unicsul, Unip, UMC.

Diferença entre faculdade e universidade para quem pensa em pós-graduação

Entender a diferença entre faculdade e universidade é importante caso você queira continuar seus estudos depois da graduação e, eventualmente, cursar uma pós-graduação. Além dos cursos de graduação em diversas áreas, uma universidade deve ter, no mínimo, quatro programas de pós-graduação stricto sensu, sendo ao menos um deles de doutorado. Essa é uma das exigências do MEC para que uma instituição de ensino seja considerada uma universidade.

Já a faculdade não tem essa obrigação, mas pode oferecer, além dos cursos de graduação, pós-graduação em nível de especialização, mestrado e doutorado. Por serem especializadas em determinado ramo, as faculdades podem oferecer cursos de especialização mais interessantes para quem tem foco no mercado e busca crescer profissionalmente.

Já as universidades possuem uma estrutura mais adequada aos títulos superiores, como o mestrado e doutorado, além de especialistas que guiam o aluno pelo mundo acadêmico. Outra diferença é que as universidades têm autonomia para criar novos cursos e programas de ensino sem autorização do MEC, enquanto as faculdades precisam desse aval.

E o que são os centros universitários?

Centros Universitários são instituições de ensino superior que abrangem uma ou mais áreas do conhecimento. Na prática, podemos dizer que são maiores que as faculdades e menores que as universidades.

O diferencial dos Centros Universitários é a elevada qualificação do seu corpo profissional e o nível de excelência do ensino oferecido. Eles têm autonomia para criar, organizar e extinguir, em sua sede, cursos e programas de educação superior.

Alguns exemplos de centros universitários: Belas Artes, FMU, UniPaulistana, UniCarioca, Ulbra Manaus.

Mas, afinal, devo escolher uma faculdade ou universidade?

Para se ter uma ideia, das 2.391 instituições de educação superior do Brasil, apenas 8% são universidades e detêm mais de 53% dos alunos, sendo, portanto, grandes instituições. Por outro lado, as faculdades representam mais de 84% das instituições, mas atendem apenas 29% dos alunos.

Se você pretende trabalhar com pesquisa científica e extensão, as universidades são as escolhas mais adequadas, pois nesses ambientes existe um esforço intelectual para desenvolver essas atividades. Elas também são uma ótima opção para preparar profissionais para o mercado de trabalho.

Já as faculdades são ideais para quem busca cursos de formação na área, mas não tem interesse em pesquisa e extensão acadêmica. Isso não significa, no entanto, que o ensino tenha menos qualidade do que o oferecido pelas universidades. Muitas, inclusive, têm altíssimo prestígio nacional e são muito disputadas entre os estudantes brasileiros.

Saiba mais: O que são as universidades comunitárias? Saiba tudo!

Se você gostou desse conteúdo e se interessa por outros relacionados à educação, não deixe de acessar o blog Vai de Bolsa

  • Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *