As 10 melhores universidades para estudar em Portugal

As 10 melhores universidades para estudar em Portugal

Já pensou em estudar em Portugal? Hoje muitos brasileiros tem acesso facilitado por conta do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), que é a porta de entrada para muitas universidades brasileiras e portuguesas, com a de Coimbra, por exemplo. É possível, além da graduação, fazer também mestrado nas instituições de ensino superior portuguesas.

Pensando nisso, separamos as 10 melhores universidades lusitanas para você estudar em Portugal. Confira e escolha qual é a que melhor se encaixa com o seu perfil.

As 10 melhores universidades para estudar em Portugal

A nossa lista das 10 melhores universidades para estudar em Portugal tem por base o QS World University Ranking de 2019. Esse é um dos mais influentes ranking mundiais de melhores universidades em todo o mundo. Acompanhe abaixo:

1. Universidade do Porto

Classificada em 353ª no ranking mundial, a Universidade do Porto é considerada a melhor universidade de Portugal. É uma universidade pública e foi fundada em 1911. Possui 14 faculdades, ou seja, centros de educação, distribuídos em 3 polos diferentes na cidade de Porto, segunda maior cidade de Portugal, que fica no litoral norte do país.

São essas: Arquitetura; Belas Artes; Ciências; Ciências da Nutrição e da Alimentação; Desporto; Direito; Economia; Engenharia; Farmácia; Letras; Medicina; Medicina Dentária; Psicologia e de Ciências da Educação e Ciências Biomédicas Abel Salazar. Além da Porto Business School que é a escola de negócios da Universidade do Porto que oferece cursos de pós-graduação na área de gestão.

É considerada a mais internacional das universidades portuguesas, devido ao número de estrangeiros que estudam nela. Isso ocorre por conta de laços de cooperação com centenas de instituições de ensino superior do mundo todo. Os alunos internacionais representam atualmente 13% de todo o corpo discente.

2. Universidade de Lisboa

Ela se encontra na 355ª posição no ranking mundial, em 43 nas 50 melhores com menos de 50 anos, e é a maior universidade do país em quantidade de alunos: são mais de 47 mil estudantes. Ela resulta na fusão da Universidade de Lisboa e da Universidade Técnica de Lisboa, com o Estádio Universitário de Lisboa.

Possui 11 faculdades: Arquitetura; Belas Artes; Ciências; Direito; Farmácia; Letras; Medicina; Medicina Dentária; Medicina Veterinária; Motricidade Humana e Psicologia.

Além de 7 institutos: Ciências Sociais, Educação, Geografia e Ordenamento do Território, Superior de Agronomia, Superior de Ciências Sociais e Políticas, Superior de Economia e Gestão e Superior Técnico.

3. Universidade Nova de Lisboa

Considerada pelo ranking a 405ª melhor universidade do mundo, está em 3º lugar nas melhores universidades para estudar em Portugal.

É uma universidade recente, foi fundada em 11 de agosto de 1973. Adotou um modelo estrutural considerado novo no contexto universitário português. Tem um modelo departamental e interdisciplinar, associado à Tecnologia, simultaneamente com as Ciências Sociais e Humanas e as Ciências Médicas.

É uma universidade descentralizada, ou seja, suas faculdades tem um alto grau de autonomia.

A universidade conta, atualmente, com mais de 20.000 alunos. Destes mais de 2.527 são estudantes estrangeiros, de 109 nacionalidades.

4. Universidade de Coimbra

Um pouco atrás no ranking mundial de universidades da Universidade Nova de Lisboa, está a Universidade de Coimbra em 407º lugar. É uma das universidades mais antigas do mundo e, efetivamente, a primeira universidade de Portugal.

Sua história começa em 1290 com criação do Estudo Geral em Lisboa pelo rei Dom Dinis. Já em 1537, foi transferida para Coimbra por ordem do Rei D. João III.

Atualmente conta com 8 Faculdades: Letras; Direito; Medicina; Ciências e Tecnologia; Farmácia; Economia; Psicologia e Ciências da Educação; Ciências do Desporto e Educação Física, e mais de 22 mil alunos.

A universidade é desde 2013 Patrimônio Mundial da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, a UNESCO.

5. Universidade de Aveiro

A 540ª melhor universidade do mundo e 5ª de Portugal, também é pública e fica na cidade de Aveiro, no centro do país, no litoral.

Assim como a Universidade Nova de Lisboa, a Universidade de Aveiro também foi fundada em 1973. Atualmente, tem cerca de 17000 estudantes tanto de graduação quanto pós-graduação, sendo que 9% são estudantes estrangeiros.

É constituída por 16 departamentos: Ambiente e Ordenamento; Biologia; Ciências Médicas; Ciências Sociais, Políticas e do Território; Comunicação e Arte; Economia, Gestão, Engenharia Industrial e Turismo; Educação e Psicologia; Eletrônica, Telecomunicações e Informática; Engenharia de Materiais e Cerâmica; Engenharia Civil; Engenharia Mecânica; Física; Geociências; Línguas e Culturas; Matemática e Química.

6. Universidade do Minho

A Universidade do Minho é a 700ª do ranking mundial da QS e também é mais uma da leva de universidades para estudar em Portugal que foram fundadas em 1973. Também é uma universidade pública.

Possui 8 escolas: Arquitetura; Ciências; Direito; Economia e Gestão; Engenharia; Medicina; Psicologia e Superior de Enfermagem. Também 8 institutos: Ciências Sociais; Educação; Letras e Ciências Humanas e Investigação e Investigação em Biomateriais, Biodegradáveis e Biomiméticos​.

Tem três Campi: Campus de Gualtar, Campus de Azurém e Campus de Couros. Estes estão localizados em duas cidades históricas de Portugal: Braga e Guimarães.​​

7. Universidade Católica Portuguesa

A última das universidades para estudar em Portugal que está no ranking mundial da QS, em 800º lugar. É a primeira da lista que é privada. Ela foi fundada em 1967. Sendo que a primeira faculdade já existia em 1947, que é a de filosofia e no ano seguinte, inicia-se a de teologia.

São 12 faculdades: Escola de Negócios e Economia de Lisboa; Negócios de Porto; Artes; Superior de Biotecnologia; Ciências Humanas; Direito de Lisboa; Direito de Porto; Educação e Tecnologia; Filosofia e Ciências Sociais; Teologia de Braga; Teologia de Lisboa e Teologia de Porto.

Além de 8 institutos: Bioética; Ciências da Saúde de Lisboa; Ciências da Saúde de Porto; Ciências da Saúde de Viseu; Estudos de Religião; Estudos Políticos; Gestão e das Organizações da Saúde de Viseu e Superior de Direito Canônico.

As próximas 3 universidades para estudar em Portugal não estão no ranking da QS, porém estão entre as melhores em outras pesquisas nacionais:

8. Instituto Universitário de Lisboa

É uma instituição pública que foi fundada em 1972. É composta por 4 escolas: Escola de Ciências Sociais e Humanas (ECSH); Escola de Sociologia e Políticas Públicas (ESPP); Escola de Gestão (IBS) e Escola de Tecnologias e Arquitetura (ISTA).

São 16 departamentos: Antropologia; Arquitetura e Urbanismo; Ciências e Tecnologias da Informação; Ciências Políticas e Políticas Públicas; Contabilidade; Economia; Economia Política; Finanças; História; Marketing, Operações e Gestão Digital; Matemática; Métodos de Pesquisa Social; Métodos Quantitativos para Gestão e Economia; Psicologia Social e das Organizações; Recursos Humanos e Comportamento Organizacional e Sociologia.

Cerca de 44% dos estudantes estão na graduação e 56%, na pós-graduação.

9. Instituto Politécnico do Porto

A história do Instituto Politécnico do Porto começa em 1852 com a fundação da Escola Industrial do Porto. Após algumas junções, separações e renomeações ao longo de mais de 130 anos, em 1985.

Hoje são 8 escolas divididas em 3 campi. O campus 1, que fica em Porto é onde se encontram: o Instituto Superior de Engenharia; o Instituto Superior de Contabilidade de Administração; a Escola Superior de Educação; a Escola Superior de Saúde e a Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo.

No campus 2, que fica na fronteira entre Póvoa de Varzim e Vila do Conde, estão: Escola Superior de Artes de Mídia e Design e a Escola Superior de Hotelaria e Turismo.

Já no campus 3, em Vale do Sousa, está a Escola Superior de Tecnologia e Gestão.

10. Universidade de Évora

Foi a segunda universidade fundada em Portugal, em 1559 onde antes era o Colégio do Espírito Santo. Essa veio a fechar em 1759 pelo Marquês de Pombal e retornou somente em 1979 como Universidade de Évora.

São 4 escolas nesta universidade para estudar em Portugal. A Escola de Artes com os departamentos: Arquitetura; Artes Cênicas; Artes Visuais e Design e Música. A Escola de Ciências e Tecnologia com os departamentos: Biologia; Desporto e Saúde; Engenharia Rural; Física; Fitotécnica; Geociências; Informática; Matemática; Medicina Veterinária; Paisagem, Ambiente e Ordenamento; Química e Zootecnia.

Também a Escola de Ciências Sociais com os departamentos: Economia; Filosofia; Gestão; História; Lingüística e Literaturas; Pedagogia e Educação; Psicologia e Sociologia. Também a Escola Superior de Enfermagem com o departamento de Enfermagem.

Gostou das opções para estudar em Portugal?

Fique de olho nos prazos de inscrição de cada uma, nos cursos que oferece e todos os trâmites legais para ingressar (validação de diploma, por exemplo), escolha uma delas e vá em frente! Continue acompanhando nosso blog para mais dicas como essa.