São poucos os mercados que continuaram a crescer com a crise econômica. Um deles é o de seguros. Em setembro de 2019, por exemplo, faturou 8,9% a mais do que nos 12 meses anteriores. Isso significa que as profissões relacionadas a esse setor também são promissoras. Então, se você quer atuar na área, conheça o curso de Gestão de Seguros EAD e veja o que precisa para trabalhar no segmento.

Antes de falar sobre a profissão, vamos continuar com o panorama do mercado? No primeiro semestre de 2019, o mercado de seguros faturou mais de R$ 125 bilhões. Esse foi o maior número desde 2015. Nesse período, o ramo que mais cresceu foram os seguros marítimos e aeronáuticos, que alcançou um faturamento 32,4% maior. Também aumentaram os lucros com seguros de vida, patrimoniais e créditos e garantias.

A tecnologia também entrou forte nesse segmento, assim como em outras áreas. Nos últimos anos, surgiram as insurtechs, startups do ramo de seguros que procuram estreitar os laços entre clientes e seguradoras. Essas iniciativas diminuem a burocracia e exigem profissionais atualizados para trabalhar na plataforma.

Quer ser um deles? Então uma opção pode ser o tecnólogo em Gestão de Seguros.

Leia também: Baixe grátis o nosso e-book Guia para conquistar o primeiro emprego

Como é o curso de Gestão de Seguros EAD?

Um dos cursos possíveis para quem quer trabalhar no ramo é o tecnólogo em Gestão de Seguros, que pode ser encontrado tanto nas modalidades presenciais quanto EAD. Além de ser conhecido também como curso de Gestão de Seguros e Previdência. 

O tecnólogo tem duração de dois anos e capacita os alunos a atuarem como gestores no ramo de seguros, nas diversas etapas do negócio. Com disciplinas bastante focadas na prática, é uma boa opção para quem procura uma formação rápida e com bastante inserção no mercado de trabalho.

Além disso, a opção EAD facilita a vida de quem procura flexibilidade para estudar de onde quiser e nos horários que melhor se encaixam na sua rotina. 

Leia também: Vantagens do EAD: saiba se estudar a distância é o indicado para você

Como é a grade curricular do curso?

O início do curso tem matérias mais gerais, voltadas para economia, matemática e administração. Mas ao longo dos semestres, o aluno vai ver também disciplinas mais focadas no ramo dos seguros e na legislação necessária para exercer a profissão. 

Veja a seguir algumas das matérias do tecnólogo em Gestão de Seguros EAD:

  • Economia Empresarial;
  • Fundamentos das Ciências Sociais;
  • Fundamentos da Matemática;
  • Introdução à Contabilidade;
  • Língua Portuguesa;
  • Princípios de Gestão;
  • Comportamento organizacional;
  • Comunicação contemporânea;
  • Filosofia, ética e cidadania;
  • Legislação Fiscal, Trabalhista e Previdenciária;
  • Matemática para Negócios;
  • Recrutamento e Seleção de Talentos;
  • Teoria Geral de Seguros;
  • Gerenciamento de Riscos de Seguro Propriedade;
  • Previdência Privada;
  • Seguros de Cascos Marítimos e Aeronáutica;
  • Seguros de Transportes e Automóveis;
  • Seguros de Vida;
  • Seguros e Planos de Saúde;
  • Ambiente Internacional de Seguros;
  • Legislação e Gestão Atuarial;
  • Resseguro;
  • Gestão Comercial em Seguros;
  • Técnicas de Consultoria em Seguros.

Além disso, muitas instituições exigem estágio obrigatório para a obtenção do diploma, mas esse requisito varia. Pode ser que seja necessário fazer também um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)

Perfil profissional e mercado de trabalho

Como você viu, o profissional que faz o curso de Gestão de Seguros EAD tem muitas opções de atuação e vai encarar um mercado de trabalho cada vez mais aquecido.

Entre seus possíveis empregadores estão:

  • Seguradoras;
  • Bancos;
  • Instituições de crédito;
  • Startups de seguros;
  • Empresas que possuem departamentos de gerenciamento de riscos. 

Já com relação às funções desse profissional, ele pode:

  • Supervisionar equipes comerciais e técnicas no segmento de seguros;
  • Fazer a análise de bens a serem segurados;
  • Elaborar estratégias que reduzam os riscos de prejuízo da seguradora;
  • Auxiliar o segurado durante a duração do contrato;
  • Desenvolver planos e contratos de seguro;
  • Entre outras atividades. 

Inclusive, com o desenvolvimento da tecnologia, cada vez mais os profissionais vão precisar se adaptar. 

A tendência é que a maior parte das contratações de seguros aconteça pela internet. Isso significa que o gestor de seguros vai ter um papel muito mais consultivo, além de atuar junto no desenvolvimento das tecnologias que vão atender ao público final. 

Além disso, a inteligência artificial também deve se tornar uma realidade no cotidiano dos profissionais de seguros em breve. A análise do perfil do consumidor, por exemplo, que antes era feita com base no que ele dizia nos formulários, está se atualizando e já pode ser feita de maneira rápida, com o auxílio de algoritmos. 

No caso do seguro automotivo, por exemplo, já existem aplicativos que avaliam a forma de dirigir do motorista e calculam suas possibilidades de se envolver em um acidente. Tudo isso facilita a precificação dos serviços e dá apoio ao trabalho do profissional envolvido na venda. 

Hoje, o salário médio de um Gerente de Seguros no Brasil é de R$ 3.344, mas pode chegar até R$ 6.302, de acordo com o portal Vagas.com. 

Onde estudar Gestão de Seguros EAD

Se você gostou de saber mais sobre o tecnólogo de Gestão de Seguros EAD, é bem provável que esteja se perguntando onde pode encontrá-lo. Porém um ponto negativo dessa formação é que apenas seis instituições no país são autorizadas pelo Ministério da Educação (MEC) a oferecer o curso. 

E se você procura um curso à distância para ter mais praticidade ao estudar, as coisas ficam ainda mais complicadas. São apenas duas faculdades que oferecem o curso de Gestão de Seguros EAD em todo o país: a Universidade Metodista de São Paulo e a Universidade Anhanguera. 

Mas existem algumas outras opções para quem quer trabalhar na área. Há a possibilidade de cursar Administração, Economia, Ciências Atuariais ou Ciências Contábeis, todos cursos com mais opções EAD e que tem bastante mercado atualmente. 

Além disso, o profissional que quiser se especializar no segmento de seguros pode cursar depois uma pós-graduação em Gestão de Seguros ou Gestão de Negócios Securitários. Se essa for a sua opção, leia também nosso artigo com dicas para aproveitar ao máximo o seu curso de pós-graduação e extraia tudo que essa formação tem a oferecer!

Decidiu fazer o curso de Gestão de Seguros EAD?

Como você pode ver, o curso de Gestão de Seguros EAD nasceu de um mercado promissor na área de seguros. Há espaço de sobra para crescer nessa área. Nesse sentido, quem buscar capacitação específica vai se destacar entre a concorrência.

Acompanhe mais informações sobre cursos, capacitações, bolsas, mercado de trabalho e dicas no blog Vai de Bolsa.