Você sabe o que significa hospitalidade? A palavra tem origem no latim e quer dizer “o ato de hospedar”. Essa prática, inclusive, é muito antiga. Talvez você se lembre das passagens bíblicas nas quais visitantes tinham seus pés lavados pelo anfitrião e ganhavam um lugar na mesa. Atualmente, a a hospitalidade se tornou um conceito importante para a indústria hoteleira, que se baseia nele para oferecer a melhor experiência aos seus hóspedes.

Para você ter uma ideia, historiadores relatam que na Grécia Antiga havia a prática de receber estrangeiros durante as festas olímpicas. Assim como na Europa da Idade Média, onde lugares como conventos e hospitais acolhiam viajantes. 

Mas ao longo do tempo, a hospitalidade foi mudando. Hoje em dia, muita gente usa essa palavra para definir pessoas que recebem muito bem as visitas. Além disso, é uma palavra que está totalmente ligada a cursos de graduação voltados ao turismo. Há instituições de qualidade que oferecem muitos relacionados à área, como Estácio e FMU.

Então, se você quer seguir carreira nessa área, continue lendo e entenda o que isso significa nas profissões relacionadas!

Leia também: Baixe grátis o nosso e-book Guia para conquistar o primeiro emprego

Profissões dedicadas à hospitalidade

Existem algumas profissões dedicadas à garantir a hospitalidade nas áreas de turismo e lazer. Principalmente se você mora em cidades turísticas, um curso desse segmento pode ser muito útil para a sua entrada no mercado de trabalho. 

Entre as funções possíveis para quem quer trabalhar com hospitalidade estão: gerência de hotéis e complexos turísticos, coordenação da parte gastronômica, assim como organização de eventos, gestão de empresas de turismo e consultoria. 

Todos esses profissionais cuidam para que os visitantes sejam bem recebidos no destino e assistidos durante toda a viagem. 

Da mesma maneira, eles podem trabalhar também em outros ambientes, como na administração de shoppings, complexos de lazer e até em instituições públicas, fomentando a economia local por meio desses serviços. 

Cursos para estudar hospitalidade

Entre as opções estão o curso de graduação em Turismo, assim como o bacharelado em Hotelaria e o curso de Gastronomia, que também ensina muitas práticas úteis para o profissional da área. Você pode encontrar alguns desses cursos na FMU ou na Estácio.

Nesses cursos superiores, o aluno aprende fundamentos da administração, contabilidade básica, gestão de pessoas e da rotina profissional. Assim como tem disciplinas para estudar outros idiomas, algo essencial para quem quer trabalhar com atendimento a turistas! 

Ou seja, o graduado nesses cursos deve sair capacitado para gerenciar unidades hoteleiras e coordenar serviços de recepção, manutenção dos ambientes, organização da infraestrutura e cuidados com alimentos e bebidas.

Além disso, há cursos técnicos e tecnólogos, que são mais específicos e possuem uma duração menor. Eles garantem uma formação mais voltada à prática e são boas opções para quem quer ingressar logo no mercado. Alguns exemplos são:

  • Gestão Desportiva e de Lazer;
  • Técnico em Eventos;
  • Técnico em Culinária;
  • Técnico em Guia de Turismo;
  • Técnico em Hospedagem;
  • Técnico em Lazer.

Da mesma forma, existem diversos cursos profissionalizantes disponíveis para quem procura atuar em funções mais específicas, como recepção, cozinha ou limpeza e organização. 

Eles são bastante breves, com duração de até seis meses, e podem ser uma boa chance até para quem ainda não concluiu o Ensino Médio!

Como garantir a hospitalidade?

O conceito de hospitalidade é antigo mas também varia de cultura para cultura e país para país. Ou seja, é especialmente delicado falar sobre isso quando estamos atuando no ramo hoteleiro, de serviços e turismo. Afinal, esses profissionais lidam com pessoas de todos os lugares o tempo todo. 

Por isso, garantir a hospitalidade tem muito a ver com compreender as subjetividades de cada hóspede ou cliente, para garantir experiências personalizadas para as expectativas de cada um. 

Nesse sentido, é essencial compreender o que é conforto, sociabilidade e receptividade para cada pessoa que procura o estabelecimento. 

Além disso, os cursos que citamos acima ensinam boas práticas gerais, assim como etiqueta e geografia. Isso faz com que o profissional seja preparado para conhecer a cultura dos hóspedes e se portar de forma educada. Mesmo diante de possíveis saias justas causadas pelas diferenças entre os países ou regiões. 

Da mesma forma, cuidar da infraestrutura e treinar bem todos os funcionários é um dos preceitos básicos da hospitalidade. Manter os ambientes limpos, bem cuidados e todos os profissionais do estabelecimento cientes das melhores práticas é essencial. 

Assim como agir de forma respeitosa e cuidadosa com todos, independente da nacionalidade, região do país, cor da pele ou credo. 

Tecnologias focadas na hospitalidade

Ainda no sentido de garantir a hospitalidade dos estabelecimentos, têm surgido muitas ferramentas novas, que facilitam o trabalho de quem atua na área. 

Hoje em dia já existem, por exemplo, softwares de gestão hoteleira, que reduzem o tempo gasto no Check In e Check Out dos hóspedes, assim como fazem o controle dos estoques e compras necessárias, fazem gestão de eventos e cuidam do financeiro.

Tudo isso garante mais segurança para os gestores e agilidade no atendimento aos clientes. 

Mas acende uma luz de alerta para quem tem interesse em garantir a hospitalidade: é preciso aprender a mexer nesses softwares para estar sempre atualizado com as mudanças do mercado.

Inclusive, vale lembrar: não adianta contar com os sistemas mais modernos se as pessoas responsáveis não forem empáticas e dedicadas. Afinal, a hospitalidade ainda depende do olho no olho e do cuidado com o outro. 

Leia também:  E-book grátis ensina como fazer uma transição de carreira. Baixe agora!

Além da hotelaria: a hospitalidade em outras profissões

Você viu que a hospitalidade tem a ver com receber pessoas com atenção, cuidado e empatia. Então significa que essa não é uma habilidade que precisa ser desenvolvida apenas por quem atua no turismo. 

É importante ser acolhedor em todo tipo de profissão que recebe pessoas de fora e lida com serviços. Motoristas, comerciários, atendentes, recepcionistas, garçons, entre outras ocupações. 

Por isso, quem trabalha nessas funções pode também fazer um curso voltado para o atendimento ao turista. Assim como deve aprender outros idiomas e procurar formas de enriquecer seu currículo e sua prática profissional.

Aliás, se você ainda não atua na área mas ficou interessado, conheça os cursos da FMU e da Estácio

Ambas instituições oferecem cursos de bacharelado ou tecnólogo em Eventos, Turismo e Gastronomia, com professores especialistas, material didático completo e parcerias com empresas e outras faculdades. Acesse a página de cursos de cada uma e conheça mais sobre as opções!

Acompanhe mais informações sobre cursos, bolsas, mercado de trabalho e dicas no blog Vai de Bolsa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui