Cadastre-se
Cadastre-se e receba dicas, descontos, notícias e informações sobre o mundo da educação!
linguista

Linguista: o que é, em que atua e qual o salário?

Já pensou em entender mais sobre a língua portuguesa ou até conhecer detalhadamente como cada língua se expressa no dia a dia, independente do seu continente? Essa é uma das diretrizes de quem se torna um linguista. Essa área é conhecida por estudar a linguagem verbal humana e sua diversidade pelo mundo de forma científica. Além disso, também foca o estudo da gramática e a evolução dos idiomas ao longo de muitos anos.

Se você deseja saber todos os detalhes sobre o que é linguística, como ingressar nesse mercado de trabalho e qual o salário possível atuando nessa área, é só continuar a leitura por aqui que o Vai de Bolsa te conta todos os detalhes.

Leia mais: Literatura ou linguística: saiba quais as diferenças entre os cursos

Qual a função de um linguista?

Antes de responder essa pergunta, é necessário entender quem é o linguista. Ele é aquele profissional que estuda de fato a língua de uma forma técnica. Ou seja, a fonética, a sintaxe, a estrutura sonora das palavras e também suas respectivas sentenças, entre outros detalhes.

Bolsa de Estudos
👉 A 1ª mensalidade da sua graduação a partir de R$ 59? Só a Anhanguera para oferecer um Vale Educação com esse desconto.

Ao se tornar um bacharel em linguística, o profissional pode trabalhar em diversas áreas, como na elaboração de livros didáticos, por exemplo, ou até no planejamento de projetos de alfabetização. Mais abaixo você confere na integra as possíveis áreas de atuação.

Vale ressaltar que essa é uma área que se relaciona muito frequentemente com outras, como sociologia, psicologia, e neurologia, sendo fundamental para o entendimento das falas. Isso porque seu estudo engloba diversos setores, como social, biológico, cultural e também histórico.

O que estuda a Linguística e para quê?

O aluno que ingressar nos estudos linguísticos, aprenderá como analisar a língua humana, a partir de sua fonética, análise de discursos, sintaxe das palavras, morfologia, neurolinguística e muito mais.

Em alguns cursos, pode ser que você também estude o tratamento computacional das linguas, em que o aluno aprenderá a mexer em programas de computadores que fazem tradução e, às vezes, até correções gramaticais de textos.

Leia também: Gêneros textuais: o que são, os tipos e a importância nas redações

Quem estuda linguística, pode atuar de diversas formas:

  • Aprende a descrever os sons da voz e fazer análise da linguagem dos seres humanos;
  • Pode dar aulas, tanto teóricas, quanto práticas e participar de pesquisas sobre a língua;
  • Consegue determinar um possível autor, a partir da escrita de um determinado texto, mesmo que a autoria não seja revelada;
  • Pode atuar com tecnologia, por meio da linguagem computacional, desenvolvendo programas que permitem o computador responder com comando de voz, ajudando principalmente os deficientes visuais;
  • Este profissional pode ajudar as pessoas a compreender melhor outras línguas, principalmente aquelas que exigem uma atenção maior na pronúncia das palavras;
  • Tem a possibilidade de auxiliar no entendimento de linguagem de sinais, como Libras, por exemplo;

Além dos pontos citados anteriormente, esse profissional tem ampla possibilidade de atuação, podendo ingressar tanto em escolas, colaborando com o aprendizado dos alunos, quanto em empresas, melhorando assim o desenvolvimento dos profissionais.

Outro ponto que o linguista é muito solicitado costuma ser para melhorar a comunicação de uma empresa, como por exemplo, do texto lido pela central de atendimento durante uma ligação. Para isso, ele faz um estudo da persona do cliente e adéqua as palavras para que o atendente possa se conectar com a outra pessoa na linha.

Isso cria um envolvimento maior entre o público-alvo da empresa, aumentando assim o seu prestígio e atenção para com os clientes.

Saiba mais: O que é variação linguística

Quanto ganha um linguista?

Agora que você já sabe o que faz um linguista, chegou a hora de descobrir um dos pontos mais importantes: a remuneração desse profissional. Certamente essa remuneração pode variar conforme cada estado. Porém, a média salarial de um profissional linguístico está em torno de R$ 3.362, segundo estimativa do site americano Glassdoor, especialista nesse tipo de pesquisa salarial.

Esse valor vai depender muito do tempo de experiência e das habilidades do profissional linguístico. Além disso, a sua formação também pode ser fundamental.

Por isso, procure por faculdades bem avaliadas e que vão ajudar a te transformar no profissional para o mercado de trabalho que sonha ser. A Estácio é uma ótima opção e conta com facilidade de ingresso. Vale a pena conhecer!

Agora que você já sabe tudo sobre o que faz o linguista, quanto ganha e as possíveis áreas de atuações, é necessário saber também que o curso tem duração de quatro anos e, ao concluir a graduação, o profissional pode ser um bacharel na área.

Será que essa área é realmente a que você terá sucesso no futuro? Então aproveite e faça um teste vocacional totalmente gratuito para ver se a sua intenção de curso tem relação com suas habilidades.

Se deseja conhecer mais de outras profissões e ficar bem informado sobre vestibulares e bolsas de estudos, continue navegando pelo blog Vai de Bolsa. Por aqui você encontra um conteúdo bacana, preparado para ampliar seus conhecimentos.

Tags:
  • Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *