Com o fim do ano se aproximando, além das comemorações, também é hora de pensar no seu futuro profissional. E isso certamente passa pela escolha de um curso de graduação. Nesse sentido, o que você acha de ficar por dentro sobre os maiores vestibulares do Brasil? Conhecer os concursos mais concorridos pode ajudar você a ter alguns parâmetros para escolher a instituição de ensino que mais atenda suas necessidades.

Em outras palavras, já podemos adiantar que o maior vestibular do Brasil é o Sisu (Sistema de Seleção Unificada), do Ministério da Educação (MEC). Pelo Sisu, você pode ingressar em milhares de cursos no país com a nota da prova do Enem.

Portanto, se você quer conhecer um pouco mais desse processo e também de outras provas convencionais e famosas de vestibular, leia esse post até o final. Saber sobre os maiores vestibulares do Brasil só tem a ajudá-lo.

Os maiores vestibulares do Brasil

Diante de todas opções, a única coisa certa é saber que é impossível realizar o processo seletivo para todas as instituições. Mas de qualquer modo, é importante saber quais são os maiores vestibulares, porque isso serve de termômetro para avaliar como está o prestígio das instituições.

Obviamente, quanto maior o número de candidatos, mais concorrida é a instituição. Você sabe quais são os maiores vestibulares do Brasil? Veja a seguir uma lista com as cinco instituições de ensino superior que realizam os maiores vestibulares do Brasil:

Fuvest (Fundação Universitária para o Vestibular)

Se o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) é o maior concurso para ingressar em uma universidade, a Fuvest é o mais tradicional. Esse é o vestibular que garante a sua entrada na USP (Universidade de São Paulo), uma das mais importantes do país.

O vestibular da Fuvest é dividido em duas fases: a primeira é uma prova de múltipla escolha, com 90 questões e com uma duração de 5 horas. A segunda consiste em 3 avaliações e é dividida em dois dias. Para o primeiro dia, o candidato faz uma prova contendo 10 questões de português e a redação para esse mesmo dia.

No dia seguinte, o candidato fará a prova de disciplinas específicas e de natureza discursiva. Desse modo, isso vai variar de acordo com a carreira escolhida e a duração da prova é de 4 horas, sem tempo adicional. Além disso, não deixe de consultar as leituras obrigatórias para as questões de literatura. Veja a seguir a lista de livros indicados para o vestibular Fuvest 2020:

  • Poemas Escolhidos – Gregório de Matos;
  • Quincas Borba – Machado de Assis;
  • O cortiço – Aluísio Azevedo;
  • A relíquia – Eça de Queirós;
  • Minha vida de menina – Helena Morley;
  • Angústia – Graciliano Ramos;
  • Claro enigma – Carlos Drummond de Andrade;
  • Sagarana – João Guimarães Rosa;
  • Mayombe – Pepetela.

Para saber mais sobre o cronograma das provas da Fuvest, você pode consultar o manual do candidato. Para o vestibular 2019/2020, 129 mil candidatos foram inscritos. Sendo que o curso com a maior procura é o de Medicina.

Unicamp (Universidade Estadual de Campinas)

Esse é o vestibular de uma das mais conceituadas universidades do Brasil, a Unicamp. Para ingressar nessa instituição, o candidato deverá fazer uma prova específica. Desse modo, é um modelo de prova tradicional, mas com ênfase nos conteúdos mais cobrados durante o ensino médio. Além da prova tradicional, a Unicamp destina 20% das vagas para quem fez o Enem.

A prova é dividida em duas fases: a primeira consiste em uma avaliação com 90 questões de múltipla escolha, com 4 opões para marcar (um pouco diferente se comparar ao Enem e Fuvest, por exemplo, que oferecem 5 alternativas de respostas). Para essa fase, o candidato deverá responder questões das seguintes disciplinas:

  • Português e Literatura;
  • Matemática;
  • História;
  • Geografia;
  • Química;
  • Biologia;
  • Física;
  • Inglês.

Além dessas questões, são cobradas 12 questões de conteúdos interdisciplinares e a Filosofia junto às questões de História e Geografia.

Na segunda fase, os candidatos são avaliados em redação (para essa prova, é exigida que os candidatos elaborem dois textos) e nas disciplinas mencionadas na primeira etapa, exceto Inglês. As provas da segunda fase são realizadas em três dias consecutivos, dividindo os conteúdos exigidos. Para o primeiro dia, os candidatos deverão elaborar a  Redação e responder as questões de Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa. No segundo dia História, Geografia, Sociologia, Filosofia e Matemática. No terceiro dia Biologia, Física e Química.

De acordo com a Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp), mais de 72 mil candidatos se inscreveram para realizar o vestibular em 2020. Os números podem ser acessados no próprio portal da instituição.

Unesp (Universidade Estadual Paulista)

O vestibular da Unesp também pode ser considerado como um dos maiores do Brasil. Ele é dividido em duas fases. Na primeira fase, o candidato deverá responder um total de 90 questões de múltipla escolha com 5 alternativas cada e tem uma duração de no máximo 5 horas. As áreas de conhecimento para essa fase são:

  • Linguagens e Códigos: elementos de Língua Portuguesa e Literatura, Língua Inglesa, Educação Física e Arte;
  • Ciências Humanas: elementos de História, Geografia, Filosofia e Sociologia;
  • Ciências da Natureza e Matemática: elementos de Biologia, Química, Física e Matemática.

Na segunda fase, consiste em 36 questões de gênero discursivo mais a redação. Essa fase é dividida em dois dias. Para o primeiro dia, o candidato deverá responder 24 questões, sendo 12 da área das Ciências Humanas (elementos de História, Geografia, Filosofia e Sociologia) e 12 das áreas das Ciências da Natureza e Matemática (elementos de Biologia, Química, Física e Matemática).

E para o segundo dia, é exigido, na avaliação, que o candidato responda 12 questões de Linguagens e Códigos (elementos de Língua Portuguesa e Literatura, Língua Inglesa, Educação Física e Arte) mais a Redação. Desse modo, para cada dia de prova, o candidato contará com um tempo de 4 horas e 30 minutos para completar cada avaliação.

Além disso, o vestibular da Unesp permite que o candidato possa usar a nota do Enem para aumentar a média final. Desse modo, a nota do Enem irá compor 10% da nota final.

De acordo com a instituição, na edição do vestibular 2018, o número total de inscritos foi de 107.818 candidatos, o que é um recorde de inscrições para a universidade.

UFPR (Universidade Federal do Paraná)

A UFPR também tem o vestibular dividido em duas etapas e assemelha-se bastante ao Enem. Sendo que na primeira etapa, o candidato deve responder a um total de 90 questões de conhecimentos gerais e conta com um tempo de 5 horas e 30 minutos para completar o teste. Veja o conteúdo exigido:

  • Matemática;
  • Física;
  • Química;
  • Biologia;
  • Geografia;
  • História;
  • Língua Estrangeira Moderna (Alemão, Espanhol, Francês, Inglês, Polonês, Japonês ou Italiano);
  • Português (Língua Portuguesa e Literatura Brasileira);
  • Filosofia e Sociologia.

Para a segunda etapa, o candidato deverá responder uma prova que se baseia em produção de textos, que dependendo da área escolhida, poderá ser acompanhada de até 2 disciplinas específicas. Portanto, isso faz com que o vestibular da UFPR tenha um nível de dificuldade um pouco mais elevado em relação a outros vestibulares. Para saber mais, não deixe de conferir o manual do candidato nesse link.

De acordo com o site da instituição, para a edição 2019/2020, se inscreveram, ao todo, um número de 38.453 candidatos.

UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina)

A UFSC também realiza um dos maiores vestibulares do Brasil. É uma instituição da região Sul do Brasil bastante prestigiada. Esse vestibular consiste em 3 provas e cada uma realizada a cada dia.

No primeiro dia, o candidato deverá responder um total de 31 questões divididas em Português, Língua Estrangeira, Matemática e Biologia. No segundo, um total de 60 questões divididas entre as seguintes disciplinas:

  • Ciências Humanas;
  • Geografia;
  • História;
  • Sociologia;
  • Filosofia;
  • Física;
  • Química.

Para o último dia, o candidato deverá responder a 4 questões discursivas e realizar a prova de Redação. Ufa! Que maratona! Você pode se informar mais acessando o edital do vestibular nesse link.

De acordo com o site da instituição, a edição do vestibular 2019/2020 registrou um total de 25.669  candidatos inscritos. Portanto, esse registro faz com que a UFSC seja um dos 5 maiores vestibulares do Brasil.

Avalie o nível das provas

E aí? Se interessou por estudar em uma dessas instituições? O grande números de inscritos faz com que o prestígio na hora de se formar seja grande e isso irá garantir um bom currículo para o mercado de trabalho. Saber sobre os maiores vestibulares do Brasil pode ser um bom termômetro para saber como está o nível das provas. Portanto, dedique-se aos estudos que você chegará lá.

No blog Vai de Bolsa, você tem acesso a um calendário de vestibulares para 2020. Fique ligado!

Se gostou desse assunto e deseja saber mais sobre educação, mercado de trabalho ou curiosidade, não deixe de acessar os demais conteúdos e dicas do blog Vai de Bolsa.