O Marketing Esportivo é uma área que movimenta milhões de reais e que está em constante evolução. O objetivo de quem trabalha nessa área é sempre buscar gerar emoção e ligação com o mundo dos esportes e seus torcedores. Como fazer isso? Através de campanhas publicitárias e ações de marketing. Nesse sentido, se você sempre gostou de marketing e ainda mais de esportes, essa pode ser uma boa opção de carreira.

Vai esperar os 45 do segundo tempo para saber mais sobre a área? Então, vem comigo conhecer mais sobre o Marketing Esportivo!

O que é o Marketing Esportivo?

Se você gosta de esportes, provavelmente já sentiu aquela tensão no final de uma partida. Já gritou com um Gol de seu time, e vibrou com a torcida quando aquele ponto foi marcado. Adrenalina, tensão, euforia e vitória. Com certeza esses são sentimentos muito presentes na vida do torcedor.

E é através destes sentimentos que o Marketing Esportivo trabalha, utilizando do esporte para gerar engajamento e aproximação com o público-alvo.

O Marketing Esportivo é uma ferramenta utilizada por marcas e empresas para se comunicar com seus telespectadores, clientes e até mesmo colaboradores. Seu objetivo é estreitar e melhorar o relacionamento com seu público-alvo, além de gerar mais lucros e popularidade para as marcas, utilizando o esportes e seus ídolos.

Além disso, as marcas que utilizam da forma correta os artifícios do Marketing Esportivo passam a ser vistas como parceiras dos esportes, e não apenas como anunciantes. 

Você sabia que a indústria do Esporte movimenta mais de R$ 250 bilhões ao ano? Vale ressaltar que isso representa 63% dos investimentos em patrocínio – segundo o Fórum Internacional de Futebol. Ou seja, é uma área muito lucrativa, com muito dinheiro para investir, e muitas possibilidades! 

É possível utilizar as peculiaridades do mundo dos esportes, como os sentimentos envolvidos, a emoção e a paixão, como artifícios para alavancar as vendas ou a popularidade de um produto ou serviço.

Em grande parte dos países, o Marketing Esportivo é também o responsável por criar a cultura do culto aos esportes, trabalhando em diversas frentes, com vários esportes distintos. Sendo assim, criando diversas oportunidades de negócio. 

Leia também: Cursos para quem gosta de esportes – conheça 9 opções

Como é o curso de Marketing Esportivo

O curso de Marketing Esportivo é uma especialização para pessoas que já são formadas em Publicidade e Propaganda, Marketing ou até mesmo Educação Física. O curso possibilita uma formação específica dentro da área esportiva e tem como objetivo capacitar os alunos para trabalharem na área.

No curso é possível aprender a elaborar propostas para modelos de gestão de Marketing Esportivo, realizar análises do cenário mercadológico esportivo, e aprender a analisar as variáveis internas e externas – que podem ser bem aproveitadas nas propostas de ações. 

O curso é encontrado na modalidade presencial e EAD e cada instituição possui uma grade e carga horária diferenciadas. A média de conclusão é de 12 a 18 meses, mas o curso também pode ser encontrado na modalidade EAD com um total de 320 a 360 horas. 

As disciplinas

Quer conhecer um pouco mais sobre a grade curricular do curso? Abaixo você encontra algumas matérias que podem ser encontradas na especialização em Marketing Esportivo:

  • Marketing Esportivo: Planejamento e Patrocínio
  • PNL e Coaching: Comunicação e Relações Humanas
  • Elementos de Administração Geral e Plano de Negócios
  • Gerenciamento de Academia: Aspectos Mercadológicos e Administrativos
  • A Profissionalização da Gestão Esportiva
  • Aspectos Sociais e Legais nas Instituições Esportivas
  • Direito Esportivo
  • Gestão de Pessoas
  • Aspectos de Gerenciamento na Instituição Esportiva
  • Gestão e Organização de Eventos
  • Gerenciamento Econômico
  • Gestão de Talentos
  • Comunicação e Gerenciamento da Carreira dos Atletas
  • Elementos de Marketing
  • Metodologia da Pesquisa

Após a conclusão do curso, o profissional estará apto à:

  • Realizar apontamentos, discutir e interpretar ações históricas, a partir de registros. Dessa forma o profissional consegue entender a evolução do mercado esportivo;
  • Analisar o mercado e as estratégias utilizadas, para desenhar ações adequadas para projetos potenciais;
  • Identificar influenciadores do mercado esportivo, trabalhando em conjunto com eles para atender à demanda de informações e aprimoramento da gestão de marketing;
  • Criar modelos de gestão de marketing esportivo, com propostas adequadas ao contexto da marca. 

Mercado de Trabalho

O mercado brasileiro está bem aquecido para o profissional do Marketing Esportivo, possibilitando que novos profissionais migrem para esta área. 

A remuneração pode variar com a região e também com o porte da empresa. Segundo a Catho, empresa especializada na área de recrutamento, a remuneração média de um estagiário da área é de R$ 1 mil, já o analista pode chegar a ganhar R$ 3 mil.

Já a remuneração da Gerência gira em torno de R$ 8 mil enquanto que o salário de um diretor pode ultrapassar os R$ 19 mil.

Leia também: Trabalhar com futebol – confira 10 profissões ligadas à área

Tendências do Marketing Esportivo

Assim como qualquer área dentro do Marketing, a área esportiva também se vale de tendências que ajudam a guiar campanhas e ações. Confira abaixo as tendências que são lance certo na área:

1. Representatividade feminina

Uma das principais tendências do momento se refere à inclusão de mulheres no cenário esportivo. O número de torcedoras apaixonadas e fanáticas cresceu muito nos últimos anos, e vem ganhando espaço merecido nos esportes.

Além disso, temos grandes atletas que que necessitam de mais espaço e reconhecimento no mundo dos esportes. Sendo assim, é uma ótima oportunidade para sua empresa apoiar atletas e equipes femininas!

2. Programas de Sócio-Torcedor

Programas de sócio-torcedor também se tornaram uma grande tendência no mundo dos esportes. Isso ocorreu pois muitos clubes passaram por um período de estagnação, o que prejudicou seus cofres. Então, o programa sócio-torcedor chegou para ajudar os clubes e fortalecer ainda mais a conexão torcedor-clube, fidelizando e engajando.

3. Associação com causas sociais

Em nossa sociedade, é muito comum encontrarmos atletas, principalmente jogadores de futebol, que são verdadeiros ídolos para a sociedade. Sendo assim, porque não utilizar essas figuras para causas que são realmente importantes para a sociedade?

A associação com causas sociais é uma tendência do Marketing Esportivo que vai muito além dos esportes – ela ajuda a construir uma sociedade melhor. Um exemplo de ação que foi muito aclamada, foi a campanha “Meu sangue é rubro-negro”, do Esporte Clube Vitória, juntamente com a Penalty.

A campanha visava incentivar a doação de sangue e era possível medir a efetividade das doações nas camisetas dos jogadores: a camisa do clube é vermelha e preta. e passou a ser vermelha e branca, sendo preenchida com a cor vermelha conforme as doações aconteciam. 

Referências na área

Gostou da área de Marketing Esportivo? Então conheça alguns profissionais que são referência na área, para você acompanhar e se inspirar:

1. Amir Somoggi

Amir é considerado um dos maiores especialistas na área de Marketing Esportivo. É  formado em Marketing Esportivo na Universidad de Barcelona, e possui mais de 20 anos de experiência no Marketing. Destes, 15 anos foram dedicados à área esportiva. É responsável por centenas de publicações e artigos sobre business esportivo. 

2. Rodrigo Capelo

Capelo é jornalista especializado em Marketing Esportivo. Manteve por um tempo o blog Dinheiro em Jogo, página hospedada no site Globo Esporte e hoje é repórter da Época. Além disso é colaborador do programa Redação Sportv. 

3. Jessica Smith

Se engana que acredita que as mulheres não possuem espaço nos Esportes! Jessica Smith é uma expert em mídia social e marketing esportivo. Você pode acompanhar suas postagens em seu blog: socialnsport.com.

4. Erich Beting

Erich trabalhou por um bom tempo como repórter esportivo, e depois se especializou em sport business. Já trabalhou em diversos canais, como Uol, Bandsports e Sportv. Além disso, Erich é proprietário do site Máquina do Esporte, uma das maiores referências em assuntos relacionados à negócios no esporte, e marketing esportivo. 

5.  Russell Scibetti

O norte-americano Scibetti é um dos maiores especialistas em Customer Relationship Management (CRM) no business esportivo. Além disso é autor do Blog The Business of Sports.

Pronto! Agora você conhece muito mais sobre o Marketing Esportivo. Continue acompanhando o blog Vai de Bolsa para encontrar mais conteúdos como este.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui