O Exame Nacional do Ensino Médio é a prova mais importante para quem quer acessar o ensino superior no Brasil. No entanto, é importante saber que têm mudanças enem 2019. Elas não vão interferir nos seus estudos de preparação para a prova. Afinal, o Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, só alterou algumas questões técnicas.

Sendo assim, é importante saber que continuam sendo quatro provas objetivas, com 45 questões cada. Além de uma redação, de no máximo 30 linhas. Só entre as mudanças enem 2019, têm alterações na hora da inscrição, no valor a ser pago e até no momento da realização da prova. Vale ressaltar que a maioria das alterações tem como objetivo reduzir gastos. Além, é claro, de melhorar a segurança durante as provas e deixar o processo sem fraudes.

Novo sistema de inscrição

Entre as mudanças enem 2019 está o novo sistema de inscrição. Ele é online e interativo. Acontece pelo site do Inep, que está disponível aqui.

Você precisa acessar a plataforma e seguir o passo a passo apresentado. Basta colocar o seu CPF e a data de nascimento. Depois, outra tela vai aparecer para você inserir o nome completo do pai. No entanto, esse trecho é opcional, você pode deixar em branco, se preferir. Depois é preciso indicar o sexo, cor, estado civil, nacionalidade e local de nascimento.

A partir daí vão aparecer mais telas para você indicar o número do RG e o CEP de onde você mora. Além disso, o Enem está mais acessível. Também dá para indicar algum tipo de acessibilidade para o dia da prova.

Ainda durante o processo nesse novo sistema de inscrição, você terá que escolher entre os idiomas de inglês e espanhol. Serão cinco questões na sua prova. Por fim, dá para optar pela cidade para realizar o Enem e depois tem que indicar como está a sua situação no Ensino Médio.

A partir daí começa um questionário com mais 25 questões. Todas elas estão relacionadas com a situação socioeconômica da sua família. Depois de concluir, você terá uma chance pare revisar todo o conteúdo preenchido. Então, e só confirma a sua inscrição e partir para os estudos.

A boa notícia é que para facilitar você nessas mudanças enem 2019, o Inep fez um vídeo completo e bem ilustrativo. Acesse o conteúdo. Você poderá ver e entender ainda melhor o passo a passo da nova modalidade de inscrição.

Novo valor da taxa de inscrição

Atenção para uma dessas mudanças enem 2019. A taxa de inscrição aumentou. São apenas R$3,00. Sendo assim, o valor total para você prestar a prova fica em R$85,00 e é preciso fazer o pagamento em Agência Bancárias, Casas Lotéricas e Agências dos Correios.

No entanto, vale destacar que entre 60 e 70% dos participantes têm direito a isenção da taxa. Só para você ter uma ideia, levando em consideração toda a infraestrutura do Enem, de acordo com o Inep, o custo de cada participante é de R$ 106,59. Então, mesmo com o atual aumento de R$3,00 o custo da prova ainda é maior.

Para saber se você tem direito à gratuidade no Enem é preciso preencher os seguintes requisitos:

– Estar cursando a última série do Ensino Médio, em 2019, ou na data da realização do Enem. No entanto, o aluno precisa estar matriculado em escola pública que esteja declarada/cadastrada no Censo Escolar.

– Além disso, você precisa ter feito todo o ensino médio em uma escola da rede pública. Caso contrário, precisa ter conquistado uma bolsa de estudos integral em uma escola particular. Outro requisito é ter renda, por pessoa, igual ou menor que um salário mínimo e meio.

– Também tem direito à isenção do Enem os estudantes que estão em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Isso leva em consideração as pessoas que são membros de família de baixa renda que possua Número de Identificação Social (NIS), único e válido. Nesse caso, também são consideradas as famílias que possuem renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.

Você se encaixa nesses perfis? Então, lembre-se que o seu pedido de isenção vem antes da inscrição.

Basta seguir todas as orientações na página oficial do Enem:

É importante saber que existe uma avaliação e você saberá o resultado antes da realização da prova. É sua responsabilidade acompanhar a situação da solicitação. Além disso, outro passo importante é ter certeza que você se inscreveu para fazer o Enem. Afinal, mesmo se receber uma resposta positiva sobre a isenção do pagamento da taxa, não significa que a sua inscrição foi realizada com sucesso. São processos diferentes e você precisa realizar os dois.

Por fim, saiba que mesmo se a sua solicitação de isenção da taxa de matrícula do Enem for rejeitada, ainda é possível pedir revisão. Esse outro processo também acontece pela página do Inep. Esse é o link para você ter mais informações.

Basta seguir o passo a passo e anexar todos os documentos solicitados para pedir a revisão da isenção da sua taxa. Dá para ter acesso também aos documentos que são aceitos nessa etapa. Aqui, tem essa lista.

Inclusão de foto na inscrição

Entre as mudanças enem 2019 está a inclusão da sua foto no momento da inscrição. Então, pelo site do Inep, ao final do seu cadastro, o sistema vai oferecer essa opção. Se você quiser, pode anexar uma foto pessoal em arquivo JPG ou PNG. O descritivo de formato e tamanho estará disponível para você na mesma página.

Inclusão de apoio para necessidades especiais

Também já é possível pedir auxílio na hora da realização da prova. Essa é mais uma das mudanças enem 2019. O Inep disponibiliza três tipos de atendimento e mais de 13 recursos de acessibilidade. Essa sua solicitação também deve acontecer durante o processo de inscrição para a prova. Existem campos específicos para isso e uma descrição de todas as acessibilidades disponíveis.

Os surdos, deficiente auditivos e surdocegos poderão indicar, por exemplo, o uso do aparelho auditivo ou de implante coclear. No entanto, vale lembrar que para ter acesso a esse serviço, você precisa comprovar sua necessidade de atendimento. O próprio site vai solicitar que você anexe um documento comprobatório de acordo com as regras do edital. Aliás, nesse link você pode conferir todo o edital, além dos serviços disponíveis. Por fim, você receberá uma mensagem nos contatos cadastrados no momento da inscrição dizendo se o seu pedido foi ou não atendido.

Espaço para rascunho e cálculos

Essa é mais uma entre as mudanças enem 2019. Existe espaço específico e em branco na própria prova. Dessa forma, você poderá fazer conta e anotações em geral. Esse espaço fica ao final, junto do caderno de questões. Além disso, existe espaço com linhas para o rascunho da redação. Mais uma medida que, de acordo com o órgão, visa reduzir os custos.

Todos os lanches serão revistados no dia da prova

Você pode e deve levar um pequeno lanche para o dia da prova. No entanto, entre as mudanças enem 2019, estão as revistas desse lanche. Significa que na hora de entrar para o Enem você terá que abrir sua mochila. Esse procedimento foi anunciado anteriormente para evitar constrangimentos.

Eliminação do participante que deixar aparelhos eletrônicos ligados

Quando você acessa o local da prova recebe um porta-objeto. Nesse local você precisa colocar todos os eletrônicos, como os celulares. No entanto, entre as mudanças enem 2019 estão os ruídos sonoros. Sendo assim, durante a prova, se o seu celular tocar você será desclassificado.

Além disso, precisa manter o porta-objeto debaixo da carteira e com o envelope lacrado e identificado. Esse procedimento é válido desde o ingresso até a saída definitiva da sala.

Orientação Vocacional

Têm mais mudanças enem 2019. A partir desta edição, no aplicativo oficial do Enem você pode ter acesso a uma orientação vocacional. A intenção do Ministério da Educação (MEC) é diminuir a desistência dos alunos que se inscrevem nas universidades.