Como fazer networking na faculdade

O networking na faculdade pode facilitar muito a sua vida e abrir várias portas quando você se graduar. Para isso, é importante que você comece a plantar e demonstrar interesses nas áreas que se identifica.

Desenvolver bons relacionamentos em todos os setores durante a graduação é o caminho. Lembre-se: ninguém consegue ir longe sem ajuda dos outros. Portanto, é necessário que você cultive boas relações durante esse período, assim você será lembrado no futuro quando bater em alguma porta.

Se você não sabe ainda como melhorar seu networking ou está precisando de algumas dicas, esse texto é para você.

Como fazer networking na faculdade

Proatividade e comunicação são os primeiros passos para você ampliar a rede de contatos. Eles serão fundamentais futuramente, acredite. Veja a seguir alguns passos para você colher bons frutos com o networking.

Cuidar da rede de contatos

Esse é o primeiro passo para você não passar aperto. É importante que você alimente sua rede de contatos, que não os procure somente na hora do aperto. Cultive uma lista de bons amigos ao longo do trajeto acadêmico e de forma constante. Nesse sentido, adote o lema: “quem não é visto, não é lembrado”. Pense no networking como um investimento, isso quer dizer que o retorno será a longo prazo.

Caso você esteja empregado, ótimo. Mas não esqueça de comentar com os amigos e as pessoas ao seu redor sobre suas áreas de interesse. Isso é uma maneira muito eficiente delas lembrarem de você. Quem sabe algum amigo saiba de alguma vaga que poderia lhe indicar caso você esteja desempregado ou pensando em trocar de emprego.

Seja generoso, lembre também de indicar seus contatos a vagas que você tenha conhecimento que estão abertas ou até mesmo ajudar quando eles precisarem de algum conhecimento que você domina. Essa é uma maneira muito nobre de agir, pois o networking é uma via de mão dupla. Portanto, ajude para ser ajudado.

Bom relacionamento com os professores

Muitas redes de contato começam com a ajuda de professores, afinal eles já passaram por diversas dificuldades e desafios. Por isso, seja participativo nas aulas, demonstre interesse nas disciplinas. Mas tome cuidado para não ser invasivo, pois o bom senso conta muito, essa é uma maneira elegante de se relacionar.

Muitos professores são responsáveis por bolsas de estudo e podem lhe indicar alguns caminhos para seguir ou até mesmo lhe orientar a algum trabalho. Portanto, esse pode ser um bom começo para fortalecer seu networking na faculdade.

Estabelecer vínculos com o corpo docente é a melhor maneira de dar continuidade aos estudos acadêmicos. Dessa forma, você terá orientadores que lhe ajudarão na hora de encarar uma pós-graduação.

Bom relacionamento com os colegas de aula

Lembre de firmar parcerias durante o curso. Seja humilde e educado, ao agir dessa forma, seus colegas terão uma boa impressão de você, pois no meio da universidade existe um problema chamado vaidade acadêmica. Estabelecer uma boa relação pessoal com seus colegas de aula pode ser fundamental na hora de ser indicado para uma vaga por alguém.

Estude duro e colabore nos trabalhos em grupo, participe das reuniões, grupos de estudos, tome um café com os amigos, etc. Certamente, eles enfrentarão os mesmos problemas que você e o ajudarão compartilhando experiências.

Bom relacionamento com colegas de outras turmas

Essa é uma maneira de ampliar seu networking na faculdade e ser conhecido por mais pessoas. Dessa forma você conhecerá mais sobre o curso e eventos que muitas vezes quem é da mesma turma desconhece.

É importante lembrar que você está em um local de fomento a muitas formas de pensamento, ao ampliar a sua rede de contatos, você terá um alargamento das experiências. Dessa forma, você poderá ser convidado a eventos e palestras diferentes do que sua classe está acostumada.

LinkedIn

O LinkedIn é a rede social voltada para o profissional mais eficiente que existe. Ela pode ser uma ferramenta poderosa para você conhecer as áreas de atuação e expandir seu networking. Através dela você poderá ter contato com profissionais das mais diversas áreas, saber sobre ofertas de vagas para emprego, estágio, etc.

Portanto, é uma forma muito eficiente de estar atualizado sobre as tendências de mercado. Mas para isso, você também deve cultivá-la. É preciso alimentar ela com informações periodicamente. Para isso, faça especializações para aumentar as citações no currículo.

Estágio

Faça um estágio. Essa é a nossa dica de ouro. Ao fazer um estágio, você estará ingressando no mercado de trabalho de forma mais leve, sem as mesmas obrigações de um trabalhador efetivado. Desse modo, você aprenderá as minúcias da profissão de forma dosada e tranquila.

Um estágio pode ser uma experiência importante no currículo na hora de procurar emprego, pois você estará familiarizado com as rotinas e rituais presentes no dia a dia das empresas.

Outra questão importante é a possibilidade de ser contratado, muitas empresas desenvolvem vínculos com estagiários, podendo contratá-los para futuras vagas efetivas no futuro.

Semanas acadêmicas

Descubra quando ocorre a semana acadêmica na sua instituição. Geralmente elas acontecem uma vez por ano ou semestre, depende muito da universidade ou faculdade. Esse é um espaço para o aluno frequentar diversos workshops. Nesse sentido, pode ser que você tenha algum insight ao frequentar um desses eventos e ainda conheça contatos importantes para o futuro. Pois as semanas acadêmicas são organizadas por alunos e trazem aquilo que está em alta nas profissões ou área de ensino que você estuda. Portanto, fique esperto para não perder esse importante evento acadêmico.

Tenha bons mestres como referência

É importante lembrar que você deve ter uma grande referência de alguma área para se espelhar como uma influência positiva. Geralmente, influenciadores compartilham dicas das mais variadas situações, que ajudarão você a traçar um belo caminho profissional. No entanto, é importante você ficar atendo às redes sociais, como por exemplo: Facebook, Twitter, Instagram e no próprio LinkedIn. Dessa forma, você estará atualizado quanto as tendências e os melhores caminhos para seguir. Mas tome cuidado para não ficar refém das redes sociais, elas costumam consumir um tempo importante de cada usuário. Sendo assim, utilize com parcimônia.

Esteja sempre em movimento

Estar em movimento quer dizer ser participativo no meio que você vive. Essa é uma maneira eficiente de ser lembrado no futuro. Busque conhecer melhor o centro acadêmico que você faz parte e as pessoas que circulam por lá, assim você estará constantemente em contato com as pessoas. Você desenvolverá o networking na faculdade quase que automaticamente dessa forma.

Ser proativo é uma boa maneira de ser visto pelas pessoas, demonstra que você não é acomodado na zona de conforto, mas sim como alguém que tem habilidades de lidar com diversas situações. Sem dúvidas, essa será uma maneira muito eficiente de explorar sua rede de contatos.

Comece a colocar as ações em prática

Agora que você já sabe como melhorar seu networking na faculdade, é importante colocar em prática essas estratégias. Assim você terá sempre com quem contar na hora do aperto ou da mesma forma poderá ajudar quando alguém precisar.

Lembre-se: a qualidade do seu networking na faculdade depende do seu cuidado constante. Portanto, cuide para não cair no esquecimento e também não ser inconveniente na hora de pedir alguma ajuda. Por isso, seja visto e lembrado, mas também não se esqueça da sua rede de contato.

Se você gostou desse assunto e se interessa por outros relacionados à educação, não deixe de acessar o blog Vai de Bolsa. Aqui você encontra artigos importantes para ajudar você no meio acadêmico ou profissional.

  • Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *