Profissões promissoras na indústria: quais são e onde estão

0
2
profissões promissoras
Os avanços tecnológicos e a transformação digital obrigaram que os diversos setores econômicos se reinventassem para sobreviver. Ao mesmo tempo, as empresas também tiveram que se adaptar a nova realidade. Com isso, diversas carreiras foram favorecidas e agora estão em alta. Na indústria, também surgiram muitas profissões promissoras. Neste post, nós vamos falar um pouco mais sobre elas para ajudar você a decidir sobre sua carreira. Vamos falar sobre a Indústria 4.0 e os desafios da área, além de relatar quais as ocupações que mais vão crescer nos próximos anos. Tudo isso com base em informações em informações da Confederação Nacional das Indústrias (CNI) e do Serviço Nacional da Indústria (Senai). Se você tem interesse em conhecer as empresas promissoras na indústria, para poder buscar a capacitação correta, fique atento no texto.

As profissões promissoras segundo o CNI e o Senai

Uma coisa é certa: ocupações ligadas a área da tecnologia serão as que mais terão crescimento. Quem garante é um levantamento feito pelo Senai, denominado Mapa do Trabalho Industrial 2019-2023. Esse estudo é feito para orientar a oferta de cursos de capacitação oferecidos pelo Senai. Segundo o trabalho, o crescimento médio no período para as profissões na indústria será de 8,5%. A ocupação de condutor de processos robotizados, por exemplo, será a que mais vai crescer até 2023, com 22,4% no aumento das vagas. Isso quer dizer que estará cada vez mais presente na indústria a automação dos processos de produção. Ou seja, haverá emprego garantido para quem entender de implementar processos com o uso de robôs. Claro que para atender a essa demanda, será preciso um grande esforço de qualificação e capacitação de pessoal.

Profissões promissoras e a necessidade de capacitação

Como falamos acima, essas áreas novas que surgiram com os efeitos da aplicação da tecnologia precisarão cada vez mais de profissionais capacitados. De acordo com a pesquisa do Senai, as áreas que mais vão necessitar de formação profissional serão:
  • Transversais (1,7 milhão de cursos)*
  • Metalmecânica (1,6 milhão)
  • Construção (1,3 milhão)
  • Logística e transporte (1,2 milhão)
  • Alimentos (754 mil)
  • Informática (528 mil)
  • Eletroeletrônica (405 mil)
  • Energia e telecomunicações (359 mil).
* A qualificação transversal quer dizer aquela com vários campos de atuação. Ou seja, profissionais que atuam em pesquisa e desenvolvimento, desenhistas industriais, etc

Lista das profissões mais promissoras

Confira abaixo a lista completa das profissões que mais vão crescer até 2023, segundo o estudo do Senai. Ao lado está o nível da qualificação que será necessária para atuar na área, seja técnica, tecnólogo ou bacharelado. As duas últimas são de nível superior.
  1. Condutores de processos robotizados (técnica)
  2. Técnicos em mecânica veicular (técnica)
  3. Engenheiros ambientais e afins (superior)
  4. Pesquisadores de engenharia e tecnologia (superior)
  5. Profissionais de planejamento, programação e controles logísticos (técnica)
  6. Montadores de sistemas e estruturas de aeronaves (técnica)
  7. Engenheiros agrimensores e engenheiros cartógrafos (superior)
  8. Gerentes de operações de serviços em empresa de transporte, de comunicação e de logística (armazenagem e distribuição) (superior)
  9. Engenheiros de alimentos e afins (superior)
  10. Instaladores e reparadores de linhas e cabos elétricos, telefônicos e de comunicação de dados (técnica)
  11. Engenheiros de controle e automação, engenheiros mecatrônicos e afins (superior)
  12. Técnicos em eletromecânica (técnica)
  13. Diretores de serviços de informática (superior)
  14. Operadores de máquinas de usinagem CNC (técnica)
  15. Supervisores de manutenção eletromecânica (técnica)
  16. Técnicos mecânicos na manutenção de máquinas, sistemas e instrumentos (técnica)
  17. Pesquisadores das ciências naturais e exatas (superior)
  18. Desenhistas projetistas da eletrônica (técnica)

Os desafios da indústria 4.0

A chamada indústria 4.0 nada mais é do que a nova fase que o setor está vivendo, com a inserção das tecnologias digitais no processo de produção. Em outras palavas, cada vez mais estará mais presente em todos os setores da indústria palavras como internet das coisas, big data e inteligência artificial. Também na indústria, quem tiver mais dados e souber tratá-los melhor de forma a serem estratégicos para os negócios será bem sucedido nos negócios. E essas serão habilidades não apenas dos gestores das empresas, mas sim dos profissionais que trabalham nelas. Sendo assim, um dos grandes desafios da indústria 4.0 é a busca constante por capacitação dos trabalhadores. Uma das queixas mais comuns das empresas, principalmente mais próximas da área da tecnologia, é a dificuldade em preencher vagas de emprego com conhecimento específico da área. Ou seja, existem muitos poucos profissionais capacitados para uma grande demanda de vagas!

Setores com profissões promissoras na indústria

A pesquisa do Senai também lista alguns setores da indústria que serão transformados pela tecnologia e quais as vagas de trabalho que serão criadas com isso. Nesse caso, vamos citar alguns deles, no intuito de dar mais ideias de carreiras promissoras para você.

Setor automotivo

O setor automotivo, de fabricação de veículos automotores, será um dos que mais vai precisar de profissionais qualificados e alinhados à transformação digital. Nesse caso, por exemplo, a robótica colaborativa será muito importante. No setor automotivo, nos próximos anos, serão criadas vagas de: mecânico de veículos híbridos, mecânico especialista em telemetria, programador de unidades de controle eletrônicos, técnico em informática veicular.

Setor de alimentos e bebidas

O setor de alimentos e bebidas também será muito influenciado com a chegada das novas tecnologias. Nesse caso, haverá criação de vagas de emprego para técnicos em impressão de alimentos, especialista em aplicações de tecnologias de informação e comunicação para rastreabilidade de alimentos e especialista em aplicações de embalagens para alimentos.

Setor da construção civil

Na construção civil, já é visível como a tecnologia tem interferido nos processos de produção em uma obra. Máquinas cada vez mais modernas e precisam aceleram a construção de prédios, por exemplo, de maneira ainda mais seguras. Nesse setor, serão demandados postos de trabalho de:
  • Integrador de sistema de automação predial
  • Técnico de construção seca
  • Técnico em automação predial
  • Gestor de logística de canteiro de obras
  • Instalador de sistemas de automação predial

Setor têxtil e vestuário

Outro setor bastante afetado com os novos processos tecnológicos é o têxtil e vestuário. Nesse contexto, serão criados postos de trabalho de técnicos de projetos de produtos de moda, engenheiros de fibra têxtil e designer de tecidos avançados.

Setor químico e petroquímico

O setor químico e petroquímico também é muito sensível na indústria 4.0. Nesse caso, estarão em alta as funções de técnico em análises químicas com especialização em análises instrumentais automatizadas, técnico especialista no desenvolvimento de produtos poliméricos, técnico especialista em reciclagem de produtos poliméricos.

Encontrou sua profissão promissora?

Como você acompanhou nesse post, são várias possibilidades de ocupações que vão crescer o número de vagas disponíveis por causa das transformações tecnológicas. Em outras palavras, para a indústria, com certeza, isso gera muitos desafios, entre eles, o de adaptação aos novos métodos para não ficar para trás em relação à concorrência. Por outro lado, há a condição dos profissionais que também enfrentam essa nova realidade. Nesse caso, a melhor maneira de aproveitar a situação é buscando cada vez mais qualificação. Seja por meio de cursos técnicos, tecnólogos, a distância ou em uma faculdade presencial. Mas fique mais tranquilo porque você tem a quem requisitar ajuda. E nós, do blog Vai de Bolsa, podemos te ajudar nessa hora. Acesse nosso conteúdo sobre capacitações, cursos, mercado de trabalho e oportunidades.