Cadastre-se
Cadastre-se e receba dicas, descontos, notícias e informações sobre o mundo da educação!
Prouni como funciona

Prouni como funciona e o que fazer para participar

Se você tem o sonho de conquistar um diploma do ensino superior, mas não tem condições de arcar com as mensalidades de uma universidade particular, saiba que tem solução! Com o Prouni (Programa Universidade para Todos) você pode conseguir uma bolsa de estudo. Para isso, você precisa saber como funciona o Prouni e vamos te mostrar todos os detalhes.

Desde a sua criação, em 2004, milhões de brasileiros já foram beneficiados pelo programa. Mais de 250 mil bolsas para o ensino superior privado são oferecidas todo o ano, segundo o Ministério da Educação (MEC). Os candidatos selecionados são escolhidos a partir da nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Porém, outros critérios precisam ser cumpridos.

Veja a seguir como funciona o Prouni, os tipos de bolsas oferecidas pelo programa e como se inscrever.

O que é o Prouni?

O Prouni foi criado pelo Governo Federal, com a lei 11.096, para oferecer bolsas de estudos em universidades particulares do país. Em resumo, o programa tem como objetivo a inclusão social de estudantes de baixa renda ao ensino superior.

Bolsa de Estudos
👉 A 1ª mensalidade da sua graduação a partir de R$ 59? Só a Anhanguera para oferecer um Vale Educação com esse desconto.

Todos os anos são abertas duas inscrições para participar do programa, que concede aos estudantes bolsas integrais ou parciais. Ou seja, você pode estudar de graça ao ganhar 100% do valor das mensalidades do curso ou ser contemplado com bolsas com desconto de 50%.

Para concorrer às bolsas de estudos do ProUni você precisa, primeiramente, participar do Enem, o Exame Nacional do Ensino Médio. As bolsas são concedidas com base na nota da última edição do exame. Isso significa que para você concorrer ao Prouni 2021, por exemplo, necessita ter feito o Enem em 2020.

Tipos de bolsas

O Prouni possui duas modalidades de bolsa de estudos, a integral e a parcial. Bolsas de 100%, quando você cursará toda a graduação de forma gratuita, são concedidas aos estudantes com renda familiar per capita mensal de até um salário mínimo e meio. Já as bolsas parciais, que garantem 50% de desconto nas mensalidades, são para os estudantes com renda familiar per capita acima de uma salário mínimo e meio até três salários mínimos.

Vamos conferir a seguir mais detalhes de como funciona o Prouni e quais os critérios para participar.

Leia também: Bolsas e ajuda de custos que podem lhe ajudar na faculdade

Prouni: como funciona o programa de bolsas

Conforme destacamos acima, o Prouni funciona a partir da nota obtida no Enem. Esse é o primeiro passo para tentar uma bolsa integral ou parcial. Porém, é preciso que você estude bastante e tire boas notas no Enem. Isso porque o Ministério da Educação exige uma pontuação mínima para conceder as bolsas. É preciso ter média de 450 pontos em todas as provas (as quatro objetivas e a redação), e não ter zerado a redação.

Portanto, se você conseguiu uma boa pontuação no Enem já é um ótimo começo. Na verdade, quanto maior a sua nota, melhores são as chances de conseguir uma bolsa na faculdade que deseja. No entanto, para concorrer ao Prouni é necessário que você atenda a outros pré-requisitos, como não possuir diploma de curso superior.

Confira os critérios para participar do Prouni

  • Aluno de escola pública ou ter estudado com bolsa

Para participar do Prouni você precisa ter estudado todo o Ensino Médio em escola pública ou com bolsa integral de 100% em escola particular. Também se encaixa aqui ter cursado parte do Ensino Médio em escola pública e a outra parte em colégio particular, desde que de forma gratuita.

  • Comprovante de baixa renda

Outro critério de como Prouni funciona é a comprovação de renda. Portanto, para concorrer a uma bolsa do Prouni você vai precisar apresentar comprovante de renda. A sua renda familiar precisa ser de até um salário mínimo (bolsas de 100%) ou de no máximo três salários mínimo (bolsas de 50%).

  • Professor de escola pública

Os professores de escolas públicas também tem o direito de concorrer a uma vaga no Prouni, independente de renda ou de onde cursaram o Ensino Médio. Contudo, são vagas em cursos de licenciatura ou pedagogia . Precisa ter realizado a última edição do Enem e comprovar durante a inscrição que está trabalhando como professor.

  • Pessoa com deficiência

Pessoas com deficiência também se encaixam nos critérios de bolsas do Prouni. Assim como os demais candidatos, ter feito o Enem é um pré-requisito fundamental.

Como se inscrever no Prouni?

Se você atendeu aos critérios que listamos acima está apto a concorrer a uma bolsa do Prouni. Para se inscrever no programa do governo federal é importante você se organizar, pois são apenas duas inscrições ao ano, no primeiro e segundo semestre.

A inscrição no Prouni deve ser realizada pelo site do programa dentro dos prazos informados pelo MEC. Mantenha-se informado acessando periodicamente o site do programa para evitar de perder os prazos.

Bolsas remanescentes e permanentes

Existem ainda outros dois tipos de bolsas dentro do Prouni: as remanescentes e permanentes. As vagas remanescentes do Prouni são aquelas que não foram preenchidas durante o processo regular de primeira e segunda chamada e lista de espera. Este tipo de bolsa também tem um prazo para sua inscrição, que é diferente para alunos já matriculados e os que ainda não estão matriculados em nenhuma instituição de ensino. 

Já a bolsa de permanência existe para custear as despesas de quem possui a bolsa integral. Se você se encaixa nesse perfil poderá ter direito a transporte até a universidade e material didático, por exemplo. O valor máximo da bolsa é o mesmo das bolsas para iniciação científica. Você encontra essas informações no edital do MEC, assim como todos os critérios e documentos necessários para concorrer a este benefício.

Mais informações sobre o Prouni podem ser consultadas pelo telefone 0800 616161.

Leia também: Como funcionam os programas de bolsas do governo?

Entendeu como funciona o Prouni?

Agora é só ficar atento às datas das inscrições e ao cronograma do Prouni para se programar e participar. Quem sabe você conquista o tão sonhado diploma com a ajuda de uma bolsa integral ou parcial do Prouni!

Não deixe de acompanhar mais informações sobre cursos, bolsas, mercado de trabalho e dicas no blog Vai de Bolsa!

Tags:
  • Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *