Perseguir um sonho de infância em uma carreira profissional sempre dá um certo frio na barriga, não é mesmo? No caso se a pessoa deseja seguir a carreira de professor, isso pode ser ainda mais intenso e trazer inúmeras inseguranças. Isso porque carreira de professor parece não ser muito atrativa por uma série de coisas. O salário é uma das insatisfações. Mas ser professor é uma profissão nobre, que pode estar acima da questão financeira. Vamos mostrar nesse post se vale a pena insistir no seu sonho.

Em suma, se você tem um sonho de infância de ser professor, saiba que essa é uma profissão que vale a pena insistir. Mesmo com todos os percalços existentes. Se você parar para pensar, qualquer caminho profissional existe vantagens e desvantagens!

E as vantagens de ser professor é algo muito além de remuneração, que é essa de perseguir um sonho e lutar por um sistema de ensino digno e que educação possa transformar as pessoas e fazer diferença na vida delas.

Além disso, ter remuneração melhor na área é possível através de cursos de pós-graduação ou formação continuada. Ainda mais se for em instituições de ensino de qualidade, como Estácio, FMU e IBMR.

Veja a seguir porque vale a pena perseguir o sonho de infância de ser professor.

Leia também:  E-book grátis ensina como fazer uma transição de carreira. Baixe agora!

Meu sonho de infância é ser professor

Se dedicar ao ensino pode ser muito mais motivador se isso for movido por um sonho de infância. Pois a questão que move um professor é muito mais do brigar por uma boa remuneração. Muitos professores abrem mão desse quesito para se dedicarem a uma vocação.

Portanto, dar aula é muito mais do que ingressar no mercado de trabalho, é exercer uma habilidade muito singular e de extrema importância para o desenvolvimento humano.

A tarefa de ser professor está muito além do que uma mera ambição de um bom emprego. Pois ela é fundamentada pela nobre causa de iluminar o caminho de quem pode ser tocado pela educação e encontrar nisso a única saída possível para uma vida melhor.

Embora pareça clichê essa afirmação, ela é muito verdadeira. Pois se você pegar os índices de desenvolvimento humano com um bom sistema educacional, verá que todos usufruem de mais igualdade social e oportunidades igualitárias de carreira profissional.

Leia mais: Os melhores filmes sobre professores para você se inspirar

5 motivos para seguir a carreira de professor

Ser professor é ignorar as dificuldades e entender que o a dura tarefa da profissão é fazer muito com pouco. Portanto, isso exige talento e vocação, coisa que não é muito comum a todos. No entanto, trabalhar em sala de aula implica na persistência de perseguir um sonho e saber resistir a defasagem e ao descrédito que o sistema educacional sofre.

Mas, mesmo com tantas dificuldades enfrentadas no dia a dia da profissão, ela ainda vale a pena. E isso pode ser comprovado por diversos exemplos. Veja a seguir alguns:

1- Estabilidade

Trabalhar como professor pode ser também uma carreira estável. Pois muitas vagas podem ser ocupadas através de concurso público e isso acaba sendo bastante interessante se você deseja não se arriscar no mercado de trabalho convencional. Para isso, basta ficar de olho nos editais de concursos do município ou estado.

2- Possibilidade de estar estudando constantemente

O que seria de um grande mestre, se não um permanente estudante? Pois então, dar aulas exige que estude sempre e além disso, essa prática faz com que você aprenda cada vez mais. Não existe maneira melhor para aprender do que ensinar. Essa é uma maneira muito eficiente de fixar o conteúdo e aprimorar cada vez mais o pensamento.

3- Fazer diferença na vida das pessoas

Quando um professor tem talento e consegue cativar seus alunos, ele se torna uma referência positiva em suas vidas. Afinal de contas, ele é capaz de transformar mentes inquietas em mentes brilhantes. Quando o professor consegue conquistar a confiança de seus alunos, ele consegue tirar leite de pedra e acaba sendo lembrado por toda vida.

4- Não existe rotina nessa profissão

Embora o professor deva seguir a risca o plano de aula proposto, cada dia na sala de aula e na escola são únicos. Se você é alguém que detesta trabalho rotineiro e gosta de encarar desafios, a profissão de professor pode ser muito interessante para trabalhar.

5- A possibilidade de se reinventar

Se você é criativo, saiba que isso é uma boa estratégia para dar aula. Como cada ser humano é único, para cada um existe uma chave certa para que essa pessoa entenda a matéria. Portanto, um professor precisa reinventar seus métodos de ensino a cada turma para que as aulas seja eficientes.

Onde estudar para conquistar o sonho de infância?

Se você é da região de São Paulo, a FMU oferece cursos presenciais. O ingresso é simples e você pode utilizar a sua nota do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) para concorrer a uma vaga. Além disso, dependendo da sua pontuação, é possível garantir uma bolsa de estudos de até 100%. Para conferir, basta acessar o portal da instituição e pesquisar quais cursos estão disponíveis.

Por outro lado, também é possível fazer um curso superior a distância. A Estácio também oferece essa modalidade e você encontra uma grande variedade de cursos de nível superior ou de pós-graduação.

A forma de ingresso é semelhante e também é possível concorrer a uma bolsa de estudos de até 100% dependendo da nota obtida no Enem.

Como funciona a carreira de professor

A carreira de professor é basicamente como outra qualquer. A diferença é a área de atuação, que é restrita basicamente ao ensino. A diferença é a formação, enquanto um advogado ou engenheiro cursam uma graduação na modalidade de bacharelado, que deseja ir para sala de aula deve cursar a modalidade licenciatura.

Essa formação permitirá que você aprenda disciplinas direcionadas para a educação, como Didática, Psicologia do Ensino, Metodologia, entre outras.

Para subir evoluir, também é preciso preciso se dedicar a um curso de pós-graduação, como mestrado e doutorado. Essa é uma estratégia bastante interessante para garantir uma renda maior e também chegar ao nível de professor universitário, com um salário mais alto do que o dos professores do ensino básico.

Portanto, para se destacar, funciona da mesma forma que outra profissão do mercado de trabalho convencional. Ou seja, não é possível avançar na carreira sem se dedicar aos estudos.

Conclusão

E aí? Ser professor é o seu sonho de infância? Está em dúvida em seguir nessa carreira? Para solucionar dúvidas a respeito dessa decisão, é preciso você entender que fazer o que se ama é fundamental para o sucesso na carreira. Independentemente da área.

Dar aulas funciona da mesma maneira, é preciso amar ensinar e estar disposto a aprender constantemente. Se você tiver essa paixão, certamente, as dificuldades serão superadas e você seguirá adiante na carreira.

Se o seu objetivo for buscar uma boa remuneração, saiba que em qualquer profissão é preciso buscar qualificação profissional. Portanto, a área da educação funciona da mesma forma, se você correr atrás de uma pós-graduação, a recompensa virá.

Se você gostou desse assunto e deseja saber mais sobre educação, mercado de trabalho ou curiosidades, não deixe de acessar o blog Vai de Bolsa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui