Tecnólogo em Defesa Cibernética

Curso de Defesa Cibernética: guia completo sobre a graduação

Um mundo cada vez mais conectado por meio da internet. Assim, as facilidades aumentam e a troca de informações fica mais ágil. Só que um simples clique nesse ambiente pode comprometer a segurança de dados de uma empresa, por exemplo.

Foi por isso que surgiu o curso de tecnólogo em Defesa Cibernética.

Afinal, é preciso formar profissionais mais capacitados para garantir que a evolução tecnológica não traga problemas para as pessoas e organizações.

Por essa razão, uma boa recomendação a quem tem interesse na área é procurar pelo curso de Tecnólogo em Defesa Cibernética, que dura pelo menos dois anos.

Tendo esse contexto, é importante saber que o Tecnólogo em Defesa Cibernética dura pelo menos dois anos. Sendo assim, após esse período você terá acesso a um diploma do ensino superior.

Nas empresas, sua missão será sempre a de garantir a segurança de dados e informações digitais.

A partir daí, receberá capacitação para diminuir os riscos de invasões e vulnerabilidades que podem atingir sistemas tecnológicos, principalmente aqueles conectados à internet.

Confira mais detalhes sobre o curso nesse post.

Curso Tecnólogo em Defesa Cibernética

Agora que você já entendeu  como funciona essa área de atuação e como você pode se preparar para ocupar uma das oportunidades, vamos entender melhor o curso Tecnólogo em Defesa Cibernética.

O curso tem duração de apenas dois anos e é focado no mercado de trabalho.

Sendo assim, na sala de aula você terá disciplinas mais práticas. Além disso, terá muitas aulas em laboratórios e matérias que apoiem na resolução de problemas do dia a dia.

Essa vertente é muito bem vista pelos empregadores. Afinal, o que se espera de um profissional formado no Tecnólogo em Defesa Cibernética é que ele consiga resolver os problemas dentro de uma empresa.

Sendo assim, se você gosta de colocar a mão na massa, pode optar por esse curso.

A vantagem é que você pode escolher entre as modalidades presencial e EAD.

Tudo depende da sua região e também da faculdade que decidir prestar. Por isso, é preciso pesquisar bastante, afinal, você precisa estar atento ao conteúdo programático do curso para ter a certeza de que ele se encaixa no seu objetivo profissional.

De forma geral, nos dois primeiros semestres dessa especialização você vai dominar todas as técnicas sobre as novas tecnologias da comunicação em ambientes multiplataformas.

Assim, terá o seu primeiro contato com as disciplinas mais amplas. Mas, como você já deve esperar, já que o Tecnólogo em Defesa Cibernética é muito rápido e bastante prático, o curso também vai exigir mais de você.

Sendo assim, é indispensável que você tenha um perfil apurado sobre as ferramentas, tecnologias e estratégias para evitar ataques cibernéticos.

Além disso, é muito importante que você tenha um perfil mais focado nas inovações e que goste de ficar sempre atualizado.

Também é importante gostar de tecnologia, ter atenção e organização. Afinal, são características fundamentais de um profissional dessa área.

Curso de Defesa Cibernética Estácio

O curso de Defesa Cibernética Estácio é um curso de tecnologia que tem duração de dois anos e meio e está disponível na modalidade EAD.

Durante essa graduação, os alunos recebem capacitação necessária sobre todas as tecnologias relacionadas à defesa cibernética em diferentes ambientes e dispositivos.

Além disso, são habilitados a controlar a segurança de espaços operacionais e trabalhar com planos de prevenção de ataques virtuais.

O profissional formado nessa área pode atuar em empresas de diferentes setores da economia, não apenas as de pequeno e médio porte, como também as de grande porte.

Do mesmo modo, atua no desenvolvimento de softwares, em startups, empresas de tecnologia e, até mesmo, em órgãos públicos.

Grade curricular

Conheça as principais disciplinas que você vai encontrar no Tecnólogo em Defesa Cibernética ou na pós-graduação.

Avalie se o conteúdo está de acordo com o que você espera do mercado de trabalho e para as necessidades de atuação. Só assim, terá a certeza que o curso estará alinhado com as suas expectativas.

Aproveite para dar uma ótima olhada no conteúdo programático da faculdade que escolher e também dos requisitos necessários para a sua matrícula e conclusão do curso.

  • Análise de Malwares
  • A Defesa Cibernética no Contexto
  • Desenvolvimento Profissional
  • Gestão de Riscos e Ameaças
  • Jogos e Simulações de Guerras Cibernéticas
  • Macroprocessos para Mapeamento de Ativos de Informação
  • Políticas, Gestão de Segurança da Informação e da Continuidade de Negócios
  • Procedimentos e Recursos Humanos e Tecnológicos Empregados na Detecção e Investigação de Ilícitos
  • Segurança em Sistemas da Informação
  • Sistemas Criptográficos, Biométricos, Direito Digital e Responsabilidade Civil na Questão da Monitoração Eletrônica
  • Times de Gerenciamento e Tratamento de Respostas a Incidentes em Redes Cibernéticas

Pós em Defesa Cibernética

Saiba que além do Tecnólogo em Defesa Cibernética, é possível fazer uma pós-graduação nessa área. Ou seja, se você já tem uma formação parecida, mas não necessariamente atua nesse segmento, pode se especializar.

Existem muitos cursos disponíveis no mercado e a pós-graduação em Defesa Cibernética é mais voltada para Gestores de Tecnologia da Informação, de Internet das Coisas, Analistas de sistemas e os próprios tecnólogos em Defesa Cibernética.

A sua pós-graduação deve seguir quase o mesmo conteúdo de um Tecnólogo em Defesa Cibernética.

No entanto, só pode ser acessada por profissionais que já possuam uma graduação na área da tecnologia. Então, essa também pode ser uma boa opção se você deseja ampliar o currículo e partir para outra área de atuação.

Mercado de trabalho em Defesa Cibernética

As suas possibilidades de atuação são bem amplas.

Afinal, com a formação no Tecnólogo em Defesa Cibernética dá para trabalhar em empresas de desenvolvimento de softwares, startups, empresas de tecnologia e, até mesmo, em órgãos públicos.

Veja que as opções são variadas e quase todas as empresas precisam de um profissional com a sua especialização.

Dessa forma, a sua empregabilidade está quase garantida. O importante é saber procurar emprego e também conseguir cada vez mais experiência e qualificação para avançar no mercado de trabalho.

De forma geral, como todas as informações estão cada vez mais online, todas as empresas buscam meios de proteger as informações disponíveis nos sistemas. Sua missão é a de bloquear vazamento de informações.

Então, também é uma área muito valorizada.

No mercado de trabalho você será o responsável por gerenciar os ativos de redes, monitorar a segurança e identificar a necessidade de atualização e mudanças.

Depois de concluir o Tecnólogo em Defesa Cibernética, dá para atuar como:

  • Especialista;
  • Consultor e assessor em defesa cibernética;
  • Perícia forense;
  • Segurança cibernética;
  • Ethical hacking ;
  • Governança e gestão de vulnerabilidades de sistemas de informação;
  • Computação forense;
  • Projetos de defesa cibernética.

Salário

Além de conhecer melhor suas tarefas, é bem importante saber como é o salário para uma pessoa formada no Tecnólogo em Defesa Cibernética.

Por isso, separamos aqui uma tabela de referência. Consideramos as empresas de pequeno, médio e grande porte.

No entanto, saiba que o salário varia bastante.

Afinal, está relacionado com o seu nível de experiência, a região de procura por trabalho e também a quantidade de profissionais disponíveis para uma vaga.

Além disso, se você optar por trabalhar como prestador de serviços, esses valores não se aplicam. Visto que estamos considerando os profissionais com carteira assinada em regime CLT.

Grande Empresa

Mínimo: R$ 4.251,82

Médio: R$ 6.643,46

Máximo: R$ 10.380,41

Média Empresa              

Mínimo: R$ 3.270,62

Médio: R$ 5.110,35

Máximo: R$ 7.984,93

Pequena Empresa

Mínimo: R$ 2.515,86

Médio: R$ 3.931,04

Máximo: R$ 6.142,25

Com base nesses salários, você pode procurar um bom emprego.

Gostou do curso Tecnólogo em Defesa Cibernética?

Como você pode ver, profissionais da área de Defesa Cibernética é muito requisitados no mercado de trabalho. É possível dizer que está sobrando emprego para quem entende do assunto.

Acesse mais informações sobre cursos, capacitações, mercado de trabalho e dicas no blog Vai de Bolsa.

Tags:
  • Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *