Saber qual é o seu tipo de personalidade pode ajudar muito na hora de estudar. Existem três tipos de perfis distintos para o aprendizado: o visual, o auditivo e o cinestésico. Para cada uma dessas personalidades têm um método adequado de estudo ou um estilo de aprendizado mais apropriado. Assim, o conteúdo é fixado de maneira mais fácil. Alguns dão conta dos estudos apenas com leitura, outros ouvindo através de podcasts. Há ainda os que preferem estudar com vídeos na internet ou também entender as coisas de maneira mais prática e palpável, por exemplo.

Em resumo, conhecer o seu tipo de personalidade para os estudos pode ser uma ferramenta poderosa para fixar os conteúdos. Pois ao saber como funciona o seu estilo de aprendizado e como seu cérebro absorve melhor as informações você passará a otimizar cada hora de estudo. Há até quem tem aptidão para estudar pelo Instagram! Estudar conforme o seu perfil pode levar você a ser aprovado em uma instituição de qualidade, como Estácio e FMU.

Agora que você já sabe o quanto é fundamental identificar o seu perfil para tirar melhor proveito dos estudos, vamos te ajudar a descobrir o seu. Depois disso, organize e gerencie a sua rotina de aprendizagem de acordo com as suas facilidades.

Leia também: Vestibular 2020: o que revisar nas semanas que antecedem a prova

Qual melhor método de aprendizagem para o meu tipo de personalidade?

Desvendar o seu tipo de personalidade pode ser mais fácil do que você imagina. Para isso, basta você prestar atenção quais são as suas afinidades e qual é o perfil que mais combina com você. Afinal de contas, os gostos e os interesses de uma pessoa por determinadas coisas ou questões, têm muita relação com a personalidade.

Veja a seguir com mais detalhes os tipos de perfis para saber qual é o melhor método de estudo.

1- Visual

Pessoas com o traço visual como método de aprendizagem são aquelas que gostam de ler, que prestam atenção naquilo que está escrito. Ou seja, o uso do sentido visual é fundamental para fixar conteúdos. Como o próprio nome diz, quem é do tipo visual, necessita das imagens para aprender melhor.

Portanto, os estudantes visuais são aqueles que utilizam anotações, lembretes ou qualquer tipo de estímulo visual para ativar a aprendizagem. Quem tem essa característica necessita de concentração e tem um grande poder de observação e costumam ser pessoas bastante focadas.

Uma boa estratégia para aprender se você tem esse tipo de personalidade, pode ser a de elaborar gráficos e tabelas para fixar o conteúdo. Além disso, invista em canetas marca texto, lápis ou qualquer outro material que ajude a destacar informações relevantes no texto.

Essa é uma maneira muito eficiente de visualizar a informação para que você consiga retomar depois ou até mesmo inserir em algum outro bloco de anotações.

Se você tem esse perfil, é fundamental estudar em um ambiente tranquilo e utilizar as anotações para estudar e formular imagens e mapas mentais para facilitar a rotina de estudo.

Leia também: Veja como melhorar a leitura de textos

2- Auditivo

Como o próprio nome sugere, quem tem esse traço, o melhor método de estudo é através do sentido da audição. O estudante que tem a característica auditiva mais aguçada, aprende melhor através dos ouvidos. Ou seja, tem grande capacidade de reter a informação naquilo que é falado em aula pelo professor.

Se você tem esse tipo de personalidade, uma boa dica para estudar é a de gravar as aulas que você participa. Afinal de contas, nem sempre é fácil gravar toda a informação na memória e fazer isso permite que você retome o conteúdo posteriormente e com mais calma. Vale lembrar que, com a tecnologia atual, isso pode ser feito com o próprio celular, sem a necessidade de desembolsar algum dinheiro para comprar um gravador.

O estudante auditivo não tem problema nenhum em estudar ouvindo música ou com a televisão ligada, mas é preciso cuidar com ruídos que possam tirar a atenção e prejudicar a concentração. Falar sobre o conteúdo que está estudando ou ler em voz alta também são grandes aliados para fixar o conteúdo.

Outra boa dica para quem tem esse perfil é montar ou participar de grupo de estudos. Pois isso vai permitir que se converse sobre a matéria e também discutir o que foi aprendido, fixando o conteúdo na memória.

Vale ressaltar que a tecnologia deve ser utilizada para reforçar e potencializar os estudos. Portanto, não deixe de utilizar os podcasts e vídeos no youtube com os temas que você está estudando para ajudar a fixar o que você está aprendendo.

3- Cinestésico

Esse tipo de personalidade é de quem necessita se movimentar para aprender. Cinestesia nada mais é do que a sensação ou percepção de movimento. Não vá confundir esse termo com a figura de linguagem sinestesia, que consiste na evocação de percepções que estão ligadas a processos sensoriais vindas através de um texto.

Se você gosta de exercícios físicos, atividades ao ar livre, você tem esse traço característico predominante. Pessoas cinestésicas têm dificuldade em controlar a inquietação. Portanto, quem tem o perfil cinestésico não se satisfaz apenas lendo ou ouvindo, é preciso um pouco mais. É preciso fazer as coisas de forma mais prática, como experimentos e atividades em laboratório.

Uma boa dica para estudar se você tem esse tipo de personalidade, é de dar intervalos curtos durante o estudo e fazer mapas mentais do conteúdo para facilitar o aprendizado. Outra coisa que pode ajudar a fixar o conteúdo é conciliar alguma atividade física com estudo, por exemplo.

Você pode gravar as aulas no celular e ouvir enquanto pratica alguma atividade física, isso pode ser muito útil para otimizar o estudo e fixar o conteúdo de maneira natural.

Leia também: Quando estudar em casa pode ser realmente um tiro no pé

A importância de identificar um tipo de personalidade

É importante ressaltar que um indivíduo é atravessado por todas as personalidades. Porém, o que marca um perfil ser visual, auditivo ou cinestésico é a predominância dessas características. Portanto, ao identificar qual é o seu perfil, você acaba conhecendo sobre qual é o método mais adequado para o seu ritmo de aprendizagem.

Ter esse conhecimento é importante também para que você possa gerenciar uma rotina eficiente de estudos, otimizando melhor o tempo, permitindo que você tenha um melhor aproveitamento sem comprometer as horas de lazer.

Conclusão

Agora que você sabe mais sobre os tipos de personalidades de quem estuda, certamente, agora você pode traçar uma rotina eficiente de acordo com a característica que mais combina com o seu perfil. Para isso, tente entender qual é o seu ritmo e método adequado para aproveitar melhor as horas de estudos e poder aplicar cada método de maneira eficiente.

Saiba que autoconhecimento é fundamental para conseguir extrair o melhor potencial de aprendizagem com cada método e isso pode render bons frutos a você. Ao compreender mais sobre o traço de personalidade que predomina em seu perfil, você entenderá melhor como a sua realidade se relaciona com os sentidos.

Vale lembrar que isso pode aumentar a sua produtividade nos estudos e garantir a você uma rotina mais tranquila para aprender mais e de forma mais eficiente.

Se você gostou desse assunto e tem interesse em saber mais sobre educação, mercado de trabalho ou curiosidades, não deixe de acessar o blog Vai de Bolsa.