Trabalhar e estudar é uma realidade que grande parte dos estudantes tem que encarar para obter o diploma. Afinal de contas, os tempos não estão fáceis e é preciso saber conciliar essas duas coisas para colher bons frutos no futuro. Quem sofre dessa dura realidade tem que iniciar o dia antes das 6h, muitas vezes, para poder chegar no trabalho ou até mesmo vencer o conteúdo da faculdade. Enfrentar essa rotina exaustiva, exige muita coragem e determinação para não deixar a peteca cair. Mas tem jeito, e vamos mostrar como.

Para que você consiga dar conta das demandas do trabalho e da faculdade, saiba que é necessário cuidar bem da saúde. Caso contrário, você terá que abrir mão de uma coisa ou outra para ter qualidade de vida.

No entanto, como tudo na vida existe vantagem e desvantagem, encarar uma jornada dupla funciona da mesma forma. Se você é alguém que tem que trabalhar e estudar para obter o diploma, esse texto será útil.

Para saber alguns passos para não comprometer a saúde e os prós e contras de trabalhar e estudar, leia o texto até o final.

Leia também: E-book grátis ensina como fazer uma transição de carreira. Baixe agora!

As vantagens de trabalhar e estudar

Trabalhar e estudar, embora seja exaustivo, também é algo muito recompensador, pois você tem uma série de benefícios, como:

1- Mais autonomia

Ao trabalhar ao mesmo tem em que estuda, você tem independência financeira. Isso permite que você não necessite pedir nada para ninguém e pode pagar com o seu esforço e trabalho o cafezinho que consome ou até mesmo as mensalidades da graduação ou o material do curso.

2- Desenvolver-se mais rapidamente

Essa também é uma vantagem que pode ser aproveitada por quem trabalha. Pois pode ser uma chance de crescer e se desenvolver na empresa. Para isso, converse com seu empregador ou gestor para saber se oferecem a você algum plano de carreira para conciliar com sua futura formação.

3- Possibilidade de estar atuando no mercado de trabalho

Embora seja cansativo enfrentar a jornada dupla, saiba que estar atuando no mercado de trabalho pode ser uma boa vantagem. Pois você estará familiarizado com as questões que envolvem o trabalho e, quando se graduar, pode tentar concorrer a uma vaga e remuneração melhores.

Além disso, quando você completar a formação, é muito provável que não precise procurar emprego estando desempregado e isso pode dar mais tranquilidade para o seu momento de recém formado.

4- Evitar o limbo após a formatura

Trabalhar e estudar também pode ser algo que deixe a sua vida mais tranquila. Saiba que isso é comum, pois o indivíduo, após obter o diploma, ser pego por uma certa ansiedade ou também não conseguir ocupar alguma vaga de emprego por conta da pouca experiência.

As desvantagens de trabalhar e estudar

Como nem tudo são flores e para ter o equilíbrio na vida, veja a seguir os contras de encarar o trabalho e os estudos:

1- Dificuldade em aproveitar o curso em toda sua plenitude

Trabalhar enquanto você faz a graduação pode privar você de participar de alguns eventos acadêmicos. Pois, geralmente, eles acontecem no turno contrário da graduação. Sendo assim, não há alternativa, é preciso abrir mão para garantir a renda.

Além disso, outra dificuldade que o estudante pode enfrentar é em cumprir as horas extracurriculares, pois é exigido que o aluno participe de semanas acadêmicas ou atividades complementares durante a graduação. Portanto, é possível que você leve mais tampo para completar todas as horas necessárias.

2- Trabalhar e estudar pode ser bem desgastante

De fato, enfrentar a dupla jornada é algo que acaba com as energias de uma pessoa. Para não comprometer seus estudos e trabalho, é preciso tomar cuidado, pois você deve encarar os estudos durante as folgas do trabalho.

A boa notícia é que você fará isso por um tempo determinado, pois a graduação tem um tempo determinado para se concluir. Após isso, é só colher os frutos que esse sacrifício exigiu de você.

3- Afetar a rotina de descanso

Quem trabalha e estuda acaba não tendo uma rotina muito certa de descanso, pois é necessário utilizar o tempo livre para as demandas da graduação ou do curso. Portanto, é preciso gerenciar bem o tempo para que não comprometa as horas de lazer, causando fadiga mental.

4- Menos tempo para amigos e familiares

Quem enfrenta a jornada dupla tem que saber dizer não para a vida social muitas vezes. Isso acontece principalmente na temporada de provas, pois as atividades e tarefas se acumulam sobrando muito pouco tempo para quem é próximo.

5- Exige uma organização maior

Estudar e trabalhar exige uma organização maior por parte do indivíduo. Sendo assim, é fundamental fazer uma boa administração dos conteúdos a serem estudados e tempo, por exemplo. Caso contrário, você comprometerá o desempenho tanto no curso, quanto no emprego.

Pois o cansaço uma hora pode falar mais alto e você não terá foco e energia para fazer ambas as atividades.

Como conciliar trabalho e estudo sem comprometer a saúde

Você provavelmente deva estar careca de saber que para melhorar a qualidade de vida é fundamental investir ter hábitos saudáveis. Com essas duas atividades funciona da mesma forma. Veja a seguir algumas dicas:

1- Mantenha uma boa alimentação

Uma alimentação balanceada é fundamental para ter um bom desempenho físico e mental. Provavelmente a sua vida seja muito corrida por conta do trabalho e estudo, e muitas vezes é preciso abrir mão de uma alimentação de qualidade para comer qualquer coisa na rua, certo? Saiba que isso é prejudicial e você deve evitar de fazer.

Tenha sempre consigo frutas e barras de cereais para quando for necessário repor as energias. Procure organizar uma rotina em que você consiga almoçar de forma tranquila e qualitativa.

Para isso, faça um roteiro de restaurantes que oferecem um bom cardápio por um preço justo. Descubra se eles servem saladas e alimentos do tipo. Embora seja um gasto, lembre-se de que isso é um investimento e você irá se dar conta disso no futuro.

2- Durma bem

Nada melhor para o cérebro e para o corpo do que uma boa noite de sono. Parece fácil dizer, mas na realidade isso é muito difícil, ainda mais para quem tem tantas obrigações. Para desfrutar de uma boa noite de sono evite se deitar muito tarde e tenha uma rotina que permita você dormir até 8 horas. Além disso, quando for deitar evite levar celular, ligar televisão e computador ou qualquer coisa do tipo.

Para fazer isso, dê preferencia para o seu momento de estar só e controle os pensamentos para eles não tomarem conta do seu sossego e prejudicar o descanso. Portanto, mentalize sempre coisas boas ao deitar e mantenha a tranquilidade respirando fundo. Com certeza, você aproveitará melhor cada noite e acordará renovado para mais uma batalha.

3- Não deixe de tirar algumas horas de folga

Saber se dar uma hora de folga pelo menos é fundamental para renovar as energias. Durante esse momento procure se desligar das obrigações e tente não pensar em mais nada além do seu bem-estar. Faça isso, que você terá mais energias para encarar o trabalho e o estudo.

Conclusão

Agora que você sabe mais sobre tudo o que é relativo às atividades de trabalhar e estudar. Certamente pode perceber que como tudo na vida tem seus prós e contras. E é preciso pensar em sacrifício sobre algo que trará recompensa futura.

E fazer essas duas atividades é exatamente isso. Embora seja difícil, exaustiva, a recompensa logo adiante é válida. Pois possibilitou que você adquirisse mais experiência e ganhasse mais maturidade para ingressar no mercado de trabalho com força total.

Se você gostou desse assunto e deseja saber mais sobre educação, mercado de trabalho ou curiosidades, não deixe de acessar o blog Vai de Bolsa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui