Bolsas de Estudo com a Nota do Enem: Perguntas Frequentes

Acesse o Vai de Bolsa e confira mais de 800 mil bolsas de estudo disponíveis, os descontos podem chegar a 100%* em cursos de graduação e pós-graduação, seja presencialmente ou na modalidade de ensino à distância – EAD. Para calcular o seu desconto, basta informar a sua nota geral e selecionar como deseja estudar.

Faça o teste e descubra em média quanto de bolsa a sua nota vale!

Não se preocupe! O Vai de Bolsa oferece outras cinco formas de ingresso que não exigem a nota do exame.

Inscreva-se gratuitamente! Em até 48 horas após a solicitação, você receberá mais informações das instituições parceiras. 

Através do nosso simulador gratuito de nota do Enem, você consegue saber quais são as suas chances em mais de 35 faculdades particulares. Faça o teste!

Arquivologia: conheça o curso, a profissão e a área de atuação

O mundo está cada vez mais digital. Mesmo assim, ainda é preciso guardar informações de forma organizada e segura. Por isso, a Arquivologia tem se modernizado e transformado o seu papel de uma forma cada vez mais importante na sociedade. Afinal, de que adianta, por exemplo, tirar fotos de todos os momentos importantes se você nunca é capaz de encontrar uma imagem quando precisa? Esse é só um exemplo de como a Arquivologia é importante na sua vida, imagina para uma grande empresa.

Como um profissional da Arquivologia, o seu papel será o de cuidar de arquivos físicos ou digitais. Por isso, é preciso ter um perfil muito organizado e bastante flexível. Mas não se engane, para atuar nessa área é sim preciso fazer um curso superior e estudar bastante. Ele tem duração de pelo menos quatro anos e oferece um diploma de ensino superior em bacharelado.

Com relação ao trabalho, saiba que dá para conseguir uma vaga em instituições pública e também privadas. Entenda ainda que cada vez mais a profissão de Arquivologia é demandada como uma forma de reunir de forma organizada todo o conteúdo produzido pelas instituições.

Saiba todos os detalhes sobre essa área!

Sobre a rotina da Arquivologia

Antes da gente falar mais sobre o curso, vamos entender primeiro o que faz um profissional da Arquivologia. É importante você saber que poderá realizar a gestão, preservação e restauração de documentos, fotos, filmes, textos históricos ou outros registros.

Estamos falando aqui de tudo o que é importante para o cliente. Então, isso inclui documentos como cadernos comerciais, microfilmes, mídias digitais ou mesmo bancos de dados online.

Sendo assim, não importa se o arquivo é analógico ou digital, com a formação em Arquivologia você estará preparado para organizar tudo de forma muito mais prática e eficiente. Sua missão será sempre a de cuidar das coisas, máquinas, roupas, móveis ou peças de uma coleção qualquer, seja ela de um museu ou particular. Então, veja como as possibilidades de atuação se multiplicam.

Você não precisa, como profissional de Arquivologia, ficar limitado aos documentos físicos. Dá sim para conseguir expandir o mercado de atuação.

Para isso, você pode trabalhar com técnicas tradicionais de preservação, que você vai aprender bastante na faculdade de Arquivologia. Além disso, você sempre pode usar ferramentas tecnológicas que auxiliam na organização e no fluxo de documentos, peças e informações.

É preciso se renovar e buscar ferramentas no mercado que apoiem você nessa missão.

Diferença entre Arquivologia e Biblioteconomia

Antes de qualquer coisa, como já vimos até aqui, a sua missão como Arquivologia não é só cuidar de livros e documentos. Vai muito além. Por isso, a principal diferença entre as duas áreas e que a Biblioteconomia segue padrões internacionais para organizar livros, revistas, teses e acervos em geral.

Já a Arquivologia vai ajudar você na missão de entender a necessidade da pessoa ou da empresa e adapta a organização de acordo com essa proposta.

Curso de Arquivologia

Agora que você já entendeu todo o contexto da Arquivologia, vamos saber melhor como funciona essa graduação. Saiba, portanto, que o seu curso vai durar pelo menos quatro anos. Nesse período, você vai conquistar um diploma de ensino superior com o título de bacharel. Para isso, é preciso sim seguir um estágio obrigatório. Portanto, fique bem atento aos pedidos da grade curricular da faculdade que escolher.

Nesse período da faculdade de Arquivologia, você vai estudar matérias como Administração, Estatística Aplicada, Informática, Sociologia, Normalização de Documentos, Gestão de Documentos, Patrimônio Cultural e Classificação Arquivística. Além disso, você sempre precisa estar atento e disposto para fazer aulas em laboratórios. Afinal, sempre tem um período prático da sua disciplina e aprendizado.

Além disso, você precisará saber sobre informática, história, teoria da administração e estatística, descrição documental, projeto e implantação de sistemas de arquivo, cinema documental e paleografa.

Para ficar um pouco mais claro e para você ter uma visão mais ampla de como é o curso de Arquivologia, separamos aqui as principais disciplinas que você vai ver na faculdade:

  • Introdução à Arquivologia
  • Metodologia Científica
  • Introdução à Sociologia
  • Expressão Oral e Escrita
  • Metodologia da Pesquisa Arquivística
  • Gestão da Informação Arquivista
  • Introdução à Ciência da Informação
  • Tecnologia de Reprodução e Armazenamento de Documentos

Mercado de trabalho

É preciso entender que na maioria das vezes as vagas para a Arquivologia estarão no setor público. Sendo assim, é preciso estar preparado para prestar um concurso. Portanto, se você gosta de estudar, está no caminho certo.

Nesse caso, você sempre pode buscar oportunidades de trabalho em universidades e prefeituras. Também existem vagas em casas de cultura, centros de memória, escritórios de advocacia e contabilidade, no caso do setor privado. Sendo assim, veja que as possibilidades de atuação começam a melhorar.

Além disso, dá para você tentar um emprego em institutos de pesquisa e fundações, como contratado ou prestador de serviço, o importante é preparar um bom currículo. Além de escolas, associações, grupos artísticos, instituições de saúde e ONGs

Para entender um pouco melhor sobre suas tarefas, separamos aqui uma lista bem completa de atividades.

Conservação e restauração

Sua missão é a de cuidar do patrimônio de empresas ou de pessoas. Sendo assim, você precisa sempre determinar as condições ideais de armazenamento. Para isso, estamos sempre considerando arquivos analógicos ou digitais. Portanto, sua relação com a informática não está descartada nesse contexto de atuação.

Sua missão na área da Arquivologia é sempre garantir que os objetos permaneçam inalterados mesmo com a presença e atuação do tempo.

Consultoria

Dá para atuar como prestador de serviços. Então, você pode trabalhar para oferecer orientação para empresas, organizações e até pessoas físicas. Para isso, você vai apoiar na organização de acervos ou coleções.

Ainda é possível ensinar e realizar a reunião de documentos e a catalogação de objetos importantes. Além disso, é preciso sempre determinar o valor e relevância de cada item. Então, ter a capacidade de organizar objetos e documentos vai muito além.

Difusão educativa e cultural

Você pode trabalhar para orientar o público na consulta e no manuseio de documentos e objetos de um acervo. Sendo assim, você pode servir como uma pessoa que ajuda na disseminação do conhecimento de forma mais organizada.

Afinal, quando a pessoa consegue ter acesso aquilo que faz sentido e de uma forma mais ágil, fica muito mais fácil entender.

Documentação eletrônica

Considerando a evolução tecnológica, você pode trabalhar para criar banco de dados, fazer microfilmagem e digitalização.

Gestão de conteúdo

É um trabalho muito importante, já que você terá a oportunidade de avaliar as informações e os documentos e sempre fazer uma avaliação para arquivar ou destruir.

Racionalização de documentos e transcrição de arquivos

Além de conseguir classificar e organizar documentos, você pode trabalhar para organizar tudo de forma mais digital de fácil entendimento e acesso.

Mapear e transcrever arquivos

Também está relacionado com a organização de acervos. Assim, com essa técnica, você pode apoiar outras pessoas que precisarão acessar o mesmo conteúdo.

Salário de um Arquivologia

É uma profissão bem ampla, portanto, o salário também varia bastante. O profissional da Arquivologia ganha em média R$ 1.495,71. Nesse caso, estamos considerando sempre o mercado de trabalho brasileiro para uma jornada de trabalho de 43 horas semanais de acordo com pesquisa do Salario.com.br junto a dados oficiais do CAGED.

Só que o salário de um Arquivologia, como já mencionamos, muda bastante. Portanto, você pode ganhar até R$ 2.260,36, levando em conta profissionais com carteira assinada em regime CLT de todo o Brasil. Se você preferir apostar no concurso público, o salário é bem melhor. Aliás, ele muda bastante considerando concursos em nível municipal, estadual e federal.

Além disso, você sempre pode atuar como prestador de serviços. Nesse caso, o salário muda ainda mais já que você ganha por trabalho.

Ficou interessado pela área de Arquivologia?

Gostou das dicas sobre a Arquivologia? Então, temos outros conteúdos esperando por você no site do Vai de Bolsa. Acesse o nosso material exclusivo e sai na frente dos concorrentes.

Temos sempre um conteúdo novo esperando por você.

Faça seu pedido de bolsa!
Em quantas faculdades quiser, de uma só vez.

Negocie o seu desconto diretamente com as faculdades!

Confira os posts mais acessados do nosso Blog

Se você está procurando por conteúdo valioso e altamente acessado, não deixe de conferir esta seção.