Bolsas de Estudo com a Nota do Enem: Perguntas Frequentes

Acesse o Vai de Bolsa e confira mais de 800 mil bolsas de estudo disponíveis, os descontos podem chegar a 100%* em cursos de graduação e pós-graduação, seja presencialmente ou na modalidade de ensino à distância – EAD. Para calcular o seu desconto, basta informar a sua nota geral e selecionar como deseja estudar.

Faça o teste e descubra em média quanto de bolsa a sua nota vale!

Não se preocupe! O Vai de Bolsa oferece outras cinco formas de ingresso que não exigem a nota do exame.

Inscreva-se gratuitamente! Em até 48 horas após a solicitação, você receberá mais informações das instituições parceiras. 

Através do nosso simulador gratuito de nota do Enem, você consegue saber quais são as suas chances em mais de 35 faculdades particulares. Faça o teste!

Engenharia aeronáutica: tudo sobre o curso e a profissão

Mais do que pilotar um avião, já pensou em ser o responsável pela criação de um deles? Então, você chegou ao texto correto. A engenharia aeronáutica estuda todo o processo pelo qual um profissional precisa passar para conquistar conhecimento na elaboração de projetos. O curso é concorrido, mas tem demanda no mercado de trabalho e as parcerias têm aumentado no Brasil.

No entanto, é importante saber que para se dar bem na engenharia aeronáutica, você precisa gostar, e muito, de cálculo. Essa matéria é fundamental e serve como base para as outras. Se esse for o seu caso, já começou com o pé direito. Com uma formação de aproximadamente cinco anos, você poderá deixar a faculdade e conseguir um emprego, que paga, em média, R$10 mil.

A faculdade de engenharia aeronáutica

Diversas instituições no país oferecem a graduação de engenharia aeronáutica. A proposta de todos eles é formar profissionais com profundos conhecimentos teóricos e práticos em projeto e construção de aeronaves. Ao longo do curso, você vai estudar a aerodinâmica, estruturas, motores e turbinas. Além de mecânica do voo e desenvolvimento de projetos de aviões relacionados a estas áreas.

Nos dois primeiros anos todos os cursos de engenharia aeronáutica têm uma formação básica comum. Você passará por matérias com fortes bases científicas em Matemática, Física, Química e Computação.

Além disso, terá que dominar conhecimentos de disciplinas de Humanidades. Nos três últimos anos, o curso de engenharia aeronáutica tem uma sólida e abrangente formação em aerodinâmica, estruturas, motores e turbinas, mecânica do voo e projetos aeronáuticos.

No quinto ano do curso você precisa passar por uma experiência profissional através de um Estágio Curricular obrigatório. Esta etapa vai aprofundar seus conhecimentos em uma área através de disciplinas optativas e do Trabalho de Graduação.

Todo esse processo vai formar você com uma visão integrada e abrangente. Saiba que permeiam o curso tópicos fundamentais de Engenharia Ambiental, Direito, Administração e Economia. Então, um bom profissional da área de Engenharia Aeronáutica deve ter afinidade com Ciências Exatas e gostar de enfrentar grandes desafios.

Você vai se destacar ainda mais no mercado de trabalho se ficar sempre atualizado sobre as tendências dos setor e acompanhar os avanços tecnológicos. É fundamental no curso de engenharia aeronáutica o aluno manter sua competitividade no mercado de trabalho.

Algumas das disciplinas do curso

  • Cálculo diferencial e integral;
  • Química geral;
  • Desenho técnico;
  • Práticas desportivas;
  • Introdução à física experimental;
  • Algoritmos e estruturas de dados;
  • Equações diferenciais ordinárias;
  • Matemática computacional;
  • Probabilidade e estatística;
  • Termodinâmica;
  • Mecânica dos sólidos.

Mercado de trabalho

O profissional formado em engenharia aeronáutica é procurado por diversas indústrias do Setor Aeroespacial e de Defesa. Principalmente as fábricas de aviões e helicópteros.

Vale a pena lembrar que o Brasil está entre os maiores construtores mundiais de aviões.

Outras importantes oportunidades de trabalho são: institutos de pesquisa aeroespacial, empresas de transporte aéreo (de passageiros ou de cargas). Além de empresas de manutenção de aeronaves, fabricantes de peças aeronáuticas, empresas de consultoria e a Força Aérea Brasileira.

Conheça mais algumas áreas de atuação depois da sua formação em engenharia aeronáutica:

Engenharia aeroespacial

Projetar veículos espaciais, satélites e foguetes, definindo os dados técnicos necessários a sua construção, a seu lançamento e a sua operação.

Fiscalização

Fiscalizar o cumprimento de normas definidas pela Agência Nacional de Aviação (Anac) em aeroportos, companhias aéreas, aeroclubes e empresas de táxi aéreo.

Manutenção

Coordenar a realização de reparos, manutenção preventiva e inspeções periódicas das estruturas, dos sistemas e equipamentos de aeronaves.

Projeto

Desenhar a estrutura e os componentes de aeronaves, definindo os materiais e os processos empregados na produção e realizando ensaios e testes antes da fabricação em escala industrial.

Sistemas

Projetar, construir, testar e instalar motores, instrumentos de controle e sensores em aeronaves. Definir as especificações dos mecanismos que controlam o trem de pouso, a alimentação de combustível e a pressurização da cabine, entre outros.

Planejamento

Nessa área, o profissional atua planejando atividades e projetos de criação e desenvolvimento das aeronaves e outros componentes, além de desenhar a estrutura e definir os materiais que serão utilizados. Os ensaios, testes e simulações também são responsabilidades desse profissional.

Estudo e Diagnóstico

Nessa área, é feita a análise para encontrar a melhor maneira de utilizar a infraestrutura aeronáutica, assim como a otimização das condições de uso de aeronaves.

Desenvolvimento de tecnologias

Aqui, o engenheiro aeronáutico é responsável pela criação de novas tecnologias e pelo gerenciamento da utilização das tecnologias disponíveis e viáveis, para melhorar o desempenho de aeronaves.

Tem mais uma boa notícia para o profissional formado em engenharia aeronáutica aqui no Brasil. A Saab – empresa que fabrica aeronaves e outras armas/mecanismos de defesa, está com uma parceria com a Força Aérea Brasileira.

Então, a Saab vai mandar para a Embraer e outras empresas parceiras os conhecimentos e tecnologias pra fabricação dos caças militares Gripen.

Eles foram comprados pelo Governo do Brasil. Tudo isso quer dizer que vai ter uma demanda de aviões novos pra serem fabricados. Sendo assim, serão necessários mais engenheiros aeronáuticos trabalhando, ou seja, mais oportunidade de você conseguir um emprego.

Estágio obrigatório

Durante sua formação na engenharia aeronáutica é necessário passar pelo estágio obrigatório. Você vai desempenhar atividades como a avaliação de dispositivos de treinamento baseados em simuladores de voo. Apoio em atividades relacionadas à habilitação de novas aeronaves. Avaliação operacional de aeronaves.  Apoio em processo de aprovação de novas tecnologias relacionadas ao Sistema de Comunicações, Navegação, Vigilância/Gerência de Tráfego Aéreo.

As empresas que costumam oferecer oportunidade para o estágio obrigatório são:

  • Indústrias de aviação
  • Indústrias aeroespaciais
  • Aeroportos
  • Companhias aéreas
  • Órgãos públicos ligados ao transporte aéreo

Salário

Um profissional formado em engenharia aeronáutica ganha em média R$ 10.089,19 no mercado de trabalho brasileiro para uma jornada de trabalho de 43 horas semanais de acordo com o Caged do MTE.

A faixa salarial do Engenheiro Aeronáutico fica entre R$ 7.651,00 (média do piso salarial 2019 de acordos, convenções e dissídios), e o teto salarial de R$ 15.247,09, levando em conta profissionais com carteira assinada em regime CLT.

Diferenças entre os cursos da área

Existem algumas diferenças entre os cursos de engenharia aeronáutica , ciências aeronáuticas e engenharia aeroespacial. Confira:

Ciências Aeronáuticas

No caso das Ciências Aeronáuticas o curso forma pilotos comerciais. O profissional graduado nesse curso também pode trabalhar na área de gestão, na torre de controle dos aeroportos ou na supervisão do trabalho das equipes em terra.

Sendo assim, a graduação forma profissionais para o transporte aéreo nacional e internacional com atuação em companhias aéreas como gestores aeroportuários, gestores de aviação, pilotos comerciais de aeronaves e gerenciamento de manutenção de aviões.

Além disso, os cursos de Ciências Aeronáuticas objetivam ensinar as técnicas de pilotagem necessárias para se formar um bom piloto, com sólidos conhecimentos aeronáuticos. Essa formação enfatiza habilitar o egresso à aviação.

Engenharia aeroespacial

Já a graduação em engenharia aeroespacial forma você para projetar e construir sistemas aeroespaciais, como foguetes e satélites artificiais.

A Engenharia Aeroespacial é a área técnica que se incumbe do desenvolvimento de atividades de projeto, manufatura e manutenção de veículos aéreos e espaciais.

Além de seus componentes, incluindo também a integração de sistemas, planejamento da produção e serviços comercialização de produtos e serviços aeroespaciais. O campo de aplicação inclui aeronaves (de asa fixa e rotativa) de passageiros e cargueiros, foguetes, mísseis, satélites e espaçonaves tripuladas.

Engenharia aeronáutica

Como você já viu, a graduação em engenharia aeronáutica forma profissionais que projetam, constroem e fazem manutenção de aeronaves, seja na indústria, seja em companhias aéreas. Todos se concentram no desenvolvimento do espaço aéreo, design de aeroportos, tecnologias de navegação de aeronaves e planejamento de aeródromos.

São os profissionais que trabalham neste campo e experimentam inovações em tecnologia e materiais, planos de teste e simulam condições de voo.

Gostou das dicas sobre a engenharia aeronáutica? Se você se interessa pela área da aviação, veja também nosso artigo sobre como se formar piloto de avião e como seguir a carreira de comissário de bordo.

Faça seu pedido de bolsa!
Em quantas faculdades quiser, de uma só vez.

Negocie o seu desconto diretamente com as faculdades!

Confira os posts mais acessados do nosso Blog

Se você está procurando por conteúdo valioso e altamente acessado, não deixe de conferir esta seção.