Bolsas de Estudo com a Nota do Enem: Perguntas Frequentes

Acesse o Vai de Bolsa e confira mais de 800 mil bolsas de estudo disponíveis, os descontos podem chegar a 100%* em cursos de graduação e pós-graduação, seja presencialmente ou na modalidade de ensino à distância – EAD. Para calcular o seu desconto, basta informar a sua nota geral e selecionar como deseja estudar.

Faça o teste e descubra em média quanto de bolsa a sua nota vale!

Não se preocupe! O Vai de Bolsa oferece outras cinco formas de ingresso que não exigem a nota do exame.

Inscreva-se gratuitamente! Em até 48 horas após a solicitação, você receberá mais informações das instituições parceiras. 

Através do nosso simulador gratuito de nota do Enem, você consegue saber quais são as suas chances em mais de 35 faculdades particulares. Faça o teste!

Eletrotécnica: conheça o curso técnico, a carreira e as oportunidades

Técnico em Eletrotécnica

Mesmo em épocas de crise, os profissionais com nível técnico são bastante requisitados. Segundo o Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope), mais de 70% dos formados encontram emprego até um ano depois da conclusão do curso. Já no caso dos cursos técnicos em eletrotécnica, esses dados são ainda mais surpreendentes. Por isso, neste post, vamos mostrar como funciona essa carreira e, especificamente, como é o curso de Eletrotécnica, um dos que oferece mais oportunidades no mercado de trabalho.

Vamos falar também sobre o que faz um eletrotécnico, quanto ganha um eletrotécnico, onde atua um técnico de eletrotécnica, além de todos os detalhes sobre o curso técnico de eletrotécnico. Para você ter uma ideia, o curso é dividido em três áreas: elétrica geral, elétrica industrial e de motores e máquinas e processos. Por essa razão, pode ser confundido muitas vezes com outros cursos, como o de Engenharia Elétrica ou o de Automação Industrial.

Mas vamos explicar melhor por aqui. Continue lendo e tire todas as suas dúvidas!

Leia também: Curso de Automação Industrial: saiba tudo sobre a formação e a carreira

Vale a pena fazer um curso técnico?

Antes de começar a falar sobre o curso e a profissão, é importante tirar uma dúvida bem comum entre os jovens que estão decidindo a sua vocação: hoje em dia vale a pena seguir para o ensino técnico? A verdade é que não existe resposta pronta, obviamente. Mas se você procura qualificação profissional em um curso espaço de tempo e com bastante oferta de emprego, então sim!

Primeiro porque, com um curso técnico, você vai ter um currículo bem mais robusto e especializado do que apenas com o diploma do Ensino Médio. Além disso, é possível cursar o técnico junto com os últimos anos do colégio e já sair com uma formação extra. Veja aqui outras oportunidades para o ensino técnico.

Já em comparação com uma graduação, os cursos técnicos oferecem a vantagem de serem mais curtos e focados na prática da profissão.

O que estuda a Eletrotécnica?

O primeiro passo para se tornar um profissional de eletrotécnica é passar por um curso técnico. E quanto tempo dura um curso de eletrotécnica? Costuma ter duração de 18 a 24 meses. Ou seja, de um ano e meio a dois anos. Durante esse período, os estudantes cursam diversas disciplinas, que variam de acordo com a instituição de ensino. Em geral, elas são divididas entre três áreas gerais: elétrica geral, elétrica industrial e de motores e máquinas e processos.

Na elétrica geral, são estudadas as principais teorias por trás da elétrica. Também são vistas normas de segurança, legislação e a parte de projetos elétricos, por exemplo. Já na parte de elétrica industrial e de motores, os alunos aprendem sobre máquinas e seus processos e comandos elétricos, além dos fundamentos da automação.

Por fim, na área de máquinas e processos são estudados ensaios e testes industriais, assim como práticas para a manutenção de sistemas elétricos. As matérias, contudo, não seguem uma ordem, como a listada acima, pois a organização do currículo escolar pode variar dependendo da escola.

Mesmo assim, quem vai cursar o técnico em eletrotécnica pode se preparar também para disciplinas como: desenho técnico aplicado, gestão da manutenção, projetos de sistemas, leitura e interpretação de desenho, entre outras.

O que faz o técnico em eletrotécnica?

Agora que você viu como é a formação do técnico em eletrotécnica, deve estar se perguntando como funciona o trabalho desse profissional. Afinal, para que servem toda essa teoria? De forma geral, o técnico em eletrotécnica é responsável pelas seguintes atividades:

  • Projeto e instalação de sistemas de acionamento elétrico;
  • Instalação e manutenção de iluminação e sinalização;
  • Atuação em todo processo de transmissão e distribuição de energia;
  • Elaboração e desenvolvimento de projetos de instalação elétrica e de sistemas de telecomunicações em construções;
  • Planejamento e instalação de equipamentos e sistemas elétricos;
  • Medida de uso eficiente de energia elétrica e fontes de energia;
  • Entre outras.

Ficou com curiosidade para entender melhor? Então continue lendo e veja mais exemplos!

Quais as áreas de atuação do eletrotécnico

Como você viu, o trabalho do técnico em eletrotécnica é bastante amplo. Mas então, em quais áreas esse profissional pode atuar? A resposta é basicamente em todo tipo de indústria! Isso porque todas elas precisam, de uma forma ou de outra, de alguém com expertise na parte elétrica. 

Mesmo assim, alguns dos setores têm maior demanda por esses técnicos. Elas são:

  • Usinas hidrelétricas, termelétricas, eólicas, solares;
  • Indústrias metalúrgicas;
  • Empresas de distribuição de energia elétrica;
  • Empresas de água e saneamento;
  • Empresas de construção civil;
  • Empresas telecomunicações;
  • Empresas de instalação e manutenção de equipamentos elétricos;
  • Escritórios de projetos técnicos;
  • Indústrias petrolíferas.

Como você pode ver, o mercado de trabalho para o técnico em eletrotécnica é bastante amplo. Podemos ainda citar laboratórios de controle de qualidade, manutenção e calibração de equipamentos elétricos, e na participação do planejamento e fabricação de componentes de máquinas elétricas.

Leia também: Qual engenharia fazer: exatas muito além da civil e elétrica

Eletrotécnica: conheça o curso técnico, a carreira e as oportunidades
Técnico em Eletrotécnica

Mercado de trabalho do profissional de eletrotécnica

Outra dúvida comum de quem está se interessando pela profissão de técnico em eletrotécnica é como funciona o mercado de trabalho. 

De forma geral, você já viu que ele é bastante amplo, mesmo quando a economia não está crescendo tanto. A estimativa é que sejam geradas mais de 17 mil vagas para técnicos em eletrotécnica nos próximos anos e existe ainda a opção de trabalhar como autônomo. 

Quanto ganhar um profissional de eletrotécnica

Com base nos dados do site Salário.com, o salário de um técnico da área pode superar os R$ 2.000, chegando até R$ 2.384,13. No entanto, para um técnico em eletrotécnica com mais experiência na área, o vencimento pode atingir os R$ 4.000. O site ressalta que aos valores em questão podem ser somados bônus profissionais ou promoções.

De acordo com o site Salário.com, o salário de um técnico em eletrotécnica chega a ultrapassar a faixa de R$ 2.000,00 e variar entre R$ 2.175,97 e R$ 2.384,13. Já para um eletrotécnico mais experiente em uma vaga master, os valores do salário chegam a passar de R$ 4.000,00.

Por outro lado, se você tiver sorte (e bastante dedicação), o salário pode chegar até aos cinco dígitos. De acordo com a plataforma Glassdoor, que reúne salários de todo o Brasil, existem técnicos em eletrotécnica ganhando mais de R$ 13 mil mensais no país.

Perfil profissional do técnico em eletrotécnica

Gostou da ideia de se tornar um técnico em eletrotécnica mas não sabe se tem o perfil certo para a profissão? Então preste atenção: o profissional dessa área precisa ser bastante crítico, responsável e com extrema atenção para detalhes. Além disso, deve ter alguma familiaridade com as ciências exatas, é claro.

É preciso destacar que após a formação, o técnico em Eletrotécnica precisa ter registro de trabalho no Conselho Federal de Técnicos Industriais (CFT). Além do registro profissional, um bom técnico da área apresenta algumas das seguintes características de perfil profissional:

  • Habilidade de comunicação e relacionamento entre pessoas;
  • Saber organizar as demandas e ter bom raciocínio lógico;
  • Pensar criticamente os processos em cada trabalho;
  • Avaliar a sustentabilidade envolvida em cada demanda;
  • Habilidade de trabalho em equipe, pois o técnico em eletrotécnico vai se relacionar com outros profissionais;
  • Solucionar problemas de forma ágil.

Diferenças entre técnico, tecnólogo e Engenheiro Eletricista

Como falamos acima, um curso técnico é uma formação mais curta, que permite acesso ao mercado de trabalho de forma mais rápida. O foco do curso é mais prático, com disciplinas práticas direcionadas às atividades desenvolvidas pelo profissional no mercado de trabalho. Já o curso de tecnólogo na área é de nível superior, cujo diploma equivale ao de uma graduação.

Assim como o curso de graduação em Engenharia Elétrica, que pode durar até cinco anos, e aprofunda melhor a área tanto teórica como na prática.

Como encontrar os melhores cursos de eletrotécnica?

Por fim, se você quer se tornar um profissional de destaque na área, é fundamental começar com um bom curso técnico, como falamos no começo. Mas como procurar os melhores cursos e instituições de ensino?

O ideal é que você faça uma boa pesquisa antes de se matricular. Procure pelas opções privadas e públicas (os institutos federais, por exemplo, costumam oferecer esse curso) e veja se elas são devidamente reconhecidas pelo MEC. 

Também busque pela escola que faz mais sentido para o seu perfil, que tem uma boa infraestrutura e tente ver a ementa das disciplinas antes de começar as aulas. Assim, você tem uma boa noção do que vai aprender naquele curso e pode saber se é a escola e o curso certos para você.

Bolsas de estudo podem ajudar

Para finalizar, lembre também que existem bolsas de estudo e auxílios do governo para estudantes de baixa renda. Se esse for o seu caso, se informe no site do MEC ou na Secretaria de Educação do seu estado ou município. Saiba aqui alguns caminhos para obter uma bolsa de estudos.

Por que fazer o curso de eletrotécnica?

Se você chegou até aqui, então ficou interessado no curso técnico de eletrotécnica. Vamos resumir, então, alguns pontos cruciais e vantagens do curso para você tomar a sua decisão.

  • Formação rápida: o curso técnico tem duração de 18 a 24 meses, e por isso permite a entrada rápida ao mercado do trabalho;
  • Mercado amplo e promissor: domínio na parte elétrica é a especialidade do técnico em eletrotécnica. Com os conhecimentos do curso, é possível atuar com projetos, instalação e manutenção de sistemas;
  • Bons salários: a área demanda por técnicos cada vez mais especializados. Quanto maior a experiência e a capacitação, os salários podem ultrapassar facilmente os R$ 4.000;
  • Um profissional versátil: o técnico pode atuar em qualquer setor da indústria.

E então, ficou interessado no técnico em eletrotécnica mas ainda quer pensar melhor nas opções? Acesse o nosso artigo com os melhores cursos técnicos para quem que trabalhar logo!

Faça seu pedido de bolsa!
Em quantas faculdades quiser, de uma só vez.

Negocie o seu desconto diretamente com as faculdades!

Confira os posts mais acessados do nosso Blog

Se você está procurando por conteúdo valioso e altamente acessado, não deixe de conferir esta seção.